icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
09/07/2014
17:00

O Internacional está se aproximando do final da intertemporada - como todos os participantes do Campeonato Brasileiro. Sem vencer nos amistosos realizados, o clube gaúcho também tem na conta uma briga entre dois jogadores titulares. Tudo isso deixa o grupo mais "maduro" para o restante da temporada. Os resultados e a agressão de D'Alessandro a Willians não deixam uma "má impressão", garante o zagueiro Paulão.

O Colorado perdeu para o Metropolitano por 3 a 2, com dois expulsos - D'Ale e Alan Patrick. Depois, empatou em 0 a 0 com o Joinville, já sem o argentino e o volante, que brigaram na última sexta-feira. Nesta sexta e no sábado, os colorados realizam dois jogos-treino no CT do Parque Gigante.

- Acredito que má impressão, não. A gente não tem dúvida da nossa capacidade. Estamos em quinto, mas com pontos de terceiro no Brasileiro. Então acredito que esse problema não tem. Não é algo que não deixa a gente dormir. Claro que sabemos que precisamos melhorar. Mas temos esses jogos-treino para encaixar alguma coisa ou outra. Tem a volta do Charles (Aránguiz) agora - disse o zagueiro Paulão.

Por conta das situações, o elenco sai mais forte da intertemporada, garante o defensor. Ademais dos ocorridos, o Colorado também não tem, ainda, Dida e Alex liberados para treinos com bola. Ambos tem sido ausências nos últimos treinamentos. Aránguiz fará o primeiro treino no clube depois de sua participação na Copa do Mundo nesta sexta.

- O grupo não aprendeu apenas na intertemporada, mas acredito que essa parada certamente nos fortaleceu, estamos mais maduros. Dentro disso, temos aprendido e tentamos fazer isso nos jogos. Conversando, a gente vê o que o é melhor. A posse de bola no treinamento de hoje foi muito boa - avaliou o colorado.

Depois de treinamento físico nesta quarta à tarde, com os jogadores permanecendo na academia, o Colorado volta a trabalhar na tarde desta quinta, no CT.