icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
24/03/2014
10:07

A cada entrevista de Muricy Ramalho, os desempenhos de Palmeiras e Santos no Campeonato Paulista são exaltados. O técnico do São Paulo, talvez um estrategista, tem elogiado o bom futebol dos rivais e, como um fã, os coloca como favoritos ao título do Estadual.

No entanto, isso não quer dizer que Muricy não veja possibilidade de superar os rivais, donos das melhores campanhas do Paulistão na primeira fase. Ele mantém até certo otimismo, baseado nas últimas exibições do Tricolor em clássicos.

- A gente melhorou muito contra o Santos, e também contra o Corinthians. Então esses jogos dão esperanças de estarmos muito melhor que no começo. O time está mais entrosado que antes. Colocamos quatro, cinco jogadores, então demora. Mas animou um pouco contra Santos e Cornthians, pelo que jogamos, e temos chances de enfrentar os favoritos. O São Paulo já chega muito melhor que no começo do campeonato - avisou o técnico.

Muricy tem razão. A equipe apresentou uma evolução substancial ao longo dos clássicos do torneio. No primeiro, contra o Palmeiras, no Pacaembu, foram apenas dois chutes a gol em toda partida. O time saiu derrotado por 2 a 0, jogando mal. Na sequência, contra o Santos, no Morumbi, a equipe foi melhor e por pouco não saiu vitoriosa, no empate em 0 a 0, com mais posse de bola e volume de jogo. Já no último, contra o Corinthians, no Pacaembu, vitória por 3 a 2, com reação e maior domínio da partida.

Para o duelo contra o Penapolense, provavelmente na próxima quarta-feira, Muricy deve manter a equipe que vem jogando e foi bem nos clássicos. O desfalque é Souza, com lesão no joelho direito. O time deve ter: Rogério Ceni, Douglas, Rodrigo Caio, Antonio Carlos e Alvaro Pereira; Wellington, Maicon e Ganso; Pabon, Osvaldo e Luis Fabiano.