icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
04/04/2014
13:11

O fato de ter a ampla maioria da torcida nas duas finais do Campeonato Paulista, no Pacaembu, não caracteriza uma vantagem ao Santos, segundo o técnico Oswaldo de Oliveira. Na opinião dele, o fato de o Peixe e o Ituano não atuarem em seus estádios, torna os mandos das decisões "neutros".

O Peixe terá 85% dos torcedores nos dois próximos domingos, mas Oswaldo reiterou que preferia decidir o título estadual na Vila Belmiro.

- O que aconteceria em Itu e na Vila vai continuar acontecendo, pois é claro que a torcida do Santos é mais numerosa. Ambos vão jogar em campo neutro, porque um time sediado em Itu e outro em Santos jogarão em São Paulo, essa é a neutralidade. Nós nos sentimos melhor aqui na Vila Belmiro, o resultado disso a gente viu no campo - afirmou o treinador, que ainda lembrou que o Santos teve a melhor campanha da primeira fase e não terá vantagem alguma na decisão.

Além disso, Oswaldo prometeu manter o estilo ofensivo do Santos, mas disse que espera dois jogos difíceis contra o time de Itu, dono da melhor defesa do Paulistão.

- Nós não temos que mudar nada. Normalmente, na medida que a competição se aproxima do final, o adversário se prepara melhor, se motiva, o que cresce lá também cresce aqui. A motivação, a leitura e tudo que precisa ser desenvolvido - comentou.