icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
09/11/2013
19:24

O Botafogo briga rodada a rodada no Campeonato Brasileiro para se manter entre os classificados para a Libertadores. Mas a vida da equipe poderia até ser mais fácil. Segundo Oswaldo de Oliveira, o grupo ainda está em formação. Isso mesmo. O técnico lembra das muitas saídas do clube com a temporada em andamento, o que dificultou a sequência da equipe.

- Sempre disse o seguinte: existem os elencos formados que são muito fortes e os elencos em formação. Botafogo é elenco em formação. Tivemos muitas transformações durante o ano. Em dado momento nos saimos muito bem, mesmo com saídas e entradas. Em outros momentos, nem tanto. Essa situação favorece mais a que tem posse e pode contratar jogadores de peso, que entram sem sentir necessidade de adaptação. Espero que o Botafogo continue, mesmo em estado de formação, a conseguir transformar essas mudanças em uma equipe forte e vitoriosa - afirmou.

Ainda durante o Carioca, o Botafogo perdeu Márcio Azevedo, negociado com o Metalist, da Ucrânia. Já no Brasileiro, foi a vez de Vitinho (indo para o CSKA, da Rússia), Fellype Gabriel (Sharjah FC, dos Emirados Árabes), Jadson (Udinese, da Itália), Andrezinho (Tianjin Teda, da China) e Antônio Carlos (São Paulo) deixarem o Alvinegro.