icons.title signature.placeholder RADAR / LANCEPRESS!
01/11/2014
15:21

O número 1 do mundo segue empilhando seus adversários na temporada 2014 do tênis. O sérvio Novak Djokovic precisou de pouco mais de 1h para derrotar o japonês Kei Nishikori (7º) por 2 sets a 0 (6-2 e 6-3) e garantir vaga na final do Masters 1.000 de Paris (FRA).

No primeiro set, Djokovic teve seu serviço ameaçado apenas uma vez, na altura do 6º game. Porém, até então, já havia conquistado uma quebra no quarto game e repetido o feito no oitavo, fechando a parcial em 6 a 2.

Na parcial final, conquistou uma quebra no quarto game, levou a resposta no seguinte e, sem se abalar, quebrou novamente no sexto game. Na troca seguinte, ficou um break point atrás do japonês, mas conseguiu recuperar-se e abrir 5 a 2 no set. No fim, não teve dificuldades para fechar o jogo em 6 a 3 e 2 sets a 0.

Essa foi a 53ª vitória do sérvio na temporada, com apenas oito derrotas. Na final, encara o canadense Milos Raonic, atual número 10 do mundo, que bateu o tcheco Tomas Berdych na semifinal, por 2 sets a 1, com parciais de 6-3, 3-6 e 7-5.