icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
28/04/2014
11:27

Um dia após o episódio de racismo envolvendo Daniel Alves e a torcida do Villarreal, o Barcelona divulgou nota oficial sobre o assunto. Nela, o clube catalão relembrou os valores pregados pela Uefa com relação à luta pelo racismo. Os culés também agradeceram o apoio do Submarino Amarelo, procurando desvincular o torcedor que jogou a banana na direção do lateral brasileiro do clube.

Leia o comunicado na íntegra:

"O FC Barcelona deseja destacar a importância cívica, cultural, social e esportiva das duas mensagens que a UEFA nos lembra antes de cada partida: ‘Respeito e Não ao Racismo’.

O FC Barcelona gostaria de manifestar o seu total apoio e solidariedade com o jogador do elenco principal do clube, Daniel Alves, após os insultos recebidos no último domingo, no estádio do Villarreal, por parte de alguns torcedores presentes no duelo entre a equipe local e o Barça.

O FC Barcelona em nenhum caso relaciona os agressores com o clube local e analisa de forma positiva o suporte do Villarreal ao nosso jogador. O seu repúdio público e imediato às agressões registradas no estádio El Madrigal foram na direção correta, na direção de transformar os estádios em espaços onde prevaleça o esporte e onde as deficiências de comportamento por parte de determinadas pessoas sejam primeiro isoladas e, posteriormente, erradicadas para sempre. 

Portanto, o FC Barcelona dá todo o seu apoio à mensagem de ‘Respeito e Não ao Racismo’ da UEFA e anima todos os clubes a seguir lutando contra o absurdo que representa a agressão contra qualquer esportista em função da sua raça."