icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
21/11/2013
17:03

O São Paulo se complicou muito na Copa Sul-Americana ao perder para a Ponte Preta, no Morumbi, por 3 a 1, na partida de ida pela fase semifinal da competição. E caso a Macaca confirme a classificação à decisão na próxima quarta-feira, em Mogi Mirim, a eliminação são-paulina significará a sexta queda de Muricy Ramalho para equipes brasileiras em torneios internacionais pelo Tricolor.

A primeira ocorreu em 2006, no início de sua segunda passagem pelo clube do Morumbi. Na ocasião, Muricy e o São Paulo chegaram à final da Copa Libertadores, mas foram derrotados pelo Internacional, que venceu por 2 a 1 na capital paulista e empatou em 2 a 2 no Beira Rio, na cidade de Porto Alegre.

Em 2007, 2008 e 2009, novas eliminações para brasileiros no principal campeonato das Américas: Grêmio, nas oitavas de final, Fluminense, nas quartas, e Cruzeiro, também nas quartas de final. O revés para a Raposa, inclusive, marcou a demissão do treinador, tricampeão brasileiro pelo Tricolor.

Além das quedas na Libertadores, o técnico também coleciona uma eliminação na Sul-Americana. Em 2008, utilizando um time cheio de reservas e atletas das categorias de base, a equipe caiu para o Atlético-PR dentro de casa, nos pênaltis, após empatar em 0 a 0 na Arena da Baixada e no Morumbi.