icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
06/02/2015
12:36

Cavar espaço no concorrido ataque do São Paulo não é uma tarefa fácil. Tanto que nem mesmo uma atuação de gala com três gols diante do Capivariano dá a segurança de ser titular a Alexandre Pato. Muricy Ramalho admite que a dor de cabeça é boa e até elogia o camissa 11, mas quer mais. Na cabeça e na fala do técnico, somente Luis Fabiano pode respirar um pouco e tem vaga garantida para enfrentar o XV de Piracicaba neste sábado, às 19h30, no Pacaembu.

- Ele volta. O Luis é o titular. Só colocamos o Pato e o Kardec para recuperar a confiança deles mesmo. Nós não podemos ter todos os jogadores sem confiança, tínhamos que dar isso a eles. O nosso pensamento na quarta-feira era recuperar bem esses dois jogadores - avisou o treinador.

Isso não significa, no entanto, que Pato será sacado da equipe na 3ª rodada. O atacante briga com Alan Kardec, seu parceiro de ataque diante do Capivariano, para se manter no time titular e fazer dupla com Fabuloso. Muricy gostou do que viu na última quarta, mas deixou bem claro para o badalado jogador que os três gols não bastarão para ganhar uma sequência.


- Queria dar uma chance para ele em tempo normal, porque contra o Penapolense só pôde jogar uns dez minutos, isso é difícil para o atleta. Mas eu pedi para ele brigar mais, como brigou, e tem de continuar assim. Senão os três gols não adiantam para nada. Acho que precisa melhorar nessa questão da participação sem a bola, pressionar o zagueiro do adversário - receitou.

Além da volta de Luis Fabiano, o São Paulo pode ter mais novidades diante do XV de Piracicaba, mas Muricy Ramalho fez mistério. As únicas certezas são as ausências do lateral-esquerdo Carlinhos, que será substituído novamente por Reinaldo, e do volante Souza. Neste caso, a vaga deve ficar com Maicon, mas Thiago Mendes está na briga.

- Não vamos mudar muito o time, não. Só o que me preocupa é que estamos em período de pré-temporada ainda, aí preocupa a parte física, estamos vendo isso com carinho. Alguns jogadores necessitam de mais cuidado. Então vou esperar até amanhã para ver como os jogadores estão se sentindo. Vai ter mudança, sim, mas poucas coisas - disse.