icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
09/04/2014
20:34

Com apenas quatro postulantes ao título continental, a Uefa sorteará, na próxima sexta-feira, os dois confrontos da semifinal da Liga dos Campeões da Europa. Rivalidade à flor da pele, reecontro de treinadores rivais, reedição de finais... Confira abaixo as seis possibilidades da fase seguinte da competição.

CHELSEA X ATLÉTICO DE MADRID

Reencontro de José Mourinho com uma equipe que lhe causou problemas na temporada passada. Nos últimos dias à frente do Real Madrid, o treinador português perdeu a final da Copa do Rei para o Atlético de Madrid com derrota por 2 a 1, em pleno Santiago Bernabéu, na prorrogação.

O duelo envolve também uma situação desconfortável para os dois postulantes ao título europeu. Um dos destaques do Atlético de Madrid, o goleiro Courtois pertence ao Chelsea e está emprestado ao clube espanhol. A Uefa não prevê um impedimento de que o belga entre em campo.

Outro nome forte do encontro é o hispano-brasileiro Diego Costa. Artilheiro do Atlético, ele poderá estar enfrentando o próximo clube da carreira, segundo apontam as notícias publicadas pela imprensa inglesa.

No último duelo entre os times, o Atlético de Madrid goleou o Chelsea por 4 a 1, na decisão da Supercopa Europeia de 2012.

E MAIS

HOME: Veja as últimas notícias do futebol internacional
Bayern de Munique leva susto, mas elimina o Manchester United
Atlético derruba o Barça e vai à semifinal da Liga dos Campeões

REAL MADRID x CHELSEA

O duelo marcaria a volta do técnico José Mourinho ao Santiago Bernabéu, local onde provocou emoções distintas de amor e ódio. Na última temporada (2012-13), parte do estádio o aplaudia, enquanto a outra não perdoava a falta de títulos.

Na época que treinava o Real, o português também declarou que sentia falta da Inglaterra. Ele também fez críticas ao futebol espanhol. Segundo Mourinho, o país não o queria.

Os times se enfrentaram na pré-temporada. A presença de Mourinho no banco de reservas adversário não foi bem aceita por alguns jogadores do Real Madrid.

BAYERN DE MUNIQUE X CHELSEA

Mais um duelo histórico entre os treinadores. A rivalidade começou em 2010-2011. O Barcelona de Pep Guardiola levou um título espanhol, um europeu, uma Copa do Rei e uma Supercopa Europeia. O Real Madrid de Mourinho levou, rigorosamente, os mesmos torneios, com a exceção da Liga dos Campeões da Europa.

Em duas temporadas, Mourinho provocou, ironizou, foi expulso e reclamou muito do favorecimento da arbitragem ao grande rival.

O caminho dos treinadores se cruzaram no início em agosto, por clubes diferentes. Nos pênaltis, o Bayern do espanhol levou a melhor sobre o Chelsea do português e ficou com o título da Supercopa Europeia.

Ingleses e alemães também fariam a reedição da final da Champions de 2012. Em casa, os bávaros perderam o título após decisão de pênatis. Os Blues conquistariam a Europa pela primeira vez.

REAL MADRID X ATLÉTICO DE MADRID

O clássico garantiria um espanhol na grande decisão de Lisboa. Seria também o quinto e o sexto encontro dos times da capital nesta temporada.  Por ora, o Real Madrid tem duas vitórias contra uma do rival. A série também teve um empate: 2 a 2 em duelo emocionante no Estádio Vicente Calderón.

Como já mencionado, o Atlético levou o título da Copa do Rei, batendo o Real, em pleno Bernabéu. O Real Madrid deu o troco neste ano, eliminando o rival na semifinal da mesma competição.

A rivalidade entre os dois clubes ficou mais acirrada com o crescimento do Atlético.

BAYERN DE MUNIQUE X ATLÉTICO DE MADRID

Mais uma reedição de uma final de Liga dos Campeões da Europa. Em 1974, após empate em Munique, como não havia decisão por pênaltis, o Bayern de Munique aplicou um 4 a 0 nos espanhóis, em duelo disputado na Bélgica. O time bávaro contava com craques como Beckenbauer, Breitner e Gerd Müller. O capitão dos colchoneros era a lenda Luis Aragonés, falecido neste ano.

O confronto seria como um David x Golias. Favorito na opinião pública, o Bayern de Munique teria de passar pelo azarão Atlético. No entanto, vale ressaltar que o adversário do time alemão é o único invicto nesta Champions.  


REAL MADRID X BAYERN DE MUNIQUE

A final antecipada. O Real Madrid teria de superar a Besta Negra para seguir na luta pelo décimo título europeu. E agora, com o ex-barcelonista Pep Guardiola do outro lado. O apelido é explicado em números. Na Alemanha, de dez confrontos, o Bayern de Munique venceu nove e empatou um.

Na Champions de 2012, os dos times disputaram, nos pênaltis, uma vaga na final. Depois de uma extenuante série, os bávaros levaram a melhor e impediram o sonho de "La Decima".

É o confronto que o torcedor do Real Madrid quer evitar.
 
O duelo seria também um tira-teima dos dois ataques mais positivos da Champions.