icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
09/03/2014
20:30

Sem seis titulares, o Palmeiras teve dificuldades neste domingo, no estádio Teixeirão. O gramado ruim, a fraca atuação de seus volantes e a dificuldade para criar levavam a equipe para um empate sem graça contra o rebaixado Paulista. Graças a gols de Miguel e Patrick Vieira, duas crias de suas categorias de base, porém, o Alviverde manteve-se na cola do Santos na briga pela melhor campanha do Estadual ao vencer o time de Jundiaí por 3 a 1, em jogo válido pela 13ª rodada do Estadual.

Por poupar boa parte de sua equipe, Gilson Kleina decidiu montar o time sem um centroavante de ofício, contando com as chegadas dos meias Bruno César e Mendieta.

Enquanto o camisa 30 ainda não está no ritmo ideal e teve partida regular, o paraguaio foi o melhor na criação, e deu o passe para William Matheus abrir o placar. O lateral, vilão na única derrota do time no ano, contra o Botafogo, vibrou muito após acertar o chute cruzado.

O time, porém, não fazia um bom jogo. Tinha dificuldades para criar e tanto Eguren quanto França tinham problemas ao sair jogando – especialmente o uruguaio. Foi em erro dele que surgiu o contra-ataque e o consequente gol do Paulista, de pênalti, cometido por Marcelo Oliveira – expulso no segundo tempo.

Contra um adversário que, após esta rodada acabou rebaixado, o Verdão não conseguia fazer muito, e nem a expulsão de Victor Hugo ajudou na etapa final, pois o polivalente alviverde Marcelo Oliveira também recebeu o vermelho cerca de quatro minutos depois.

Restou a Miguel, que entrou na segunda etapa para dar ao time a referência à frente que faltou no primeiro tempo, "salvar" a noite. Depois de lance feito por Vinicius no lado esquerdo, ele só desviou para o gol vazio para encaminhar a vitória em seu quinto jogo pelo time profissional – foi seu primeiro gol pela equipe principal, também. Patrick Vieira, em seu próprio rebote, fechou o placar.

Líder garantido do Grupo D, o Verdão com 32 pontos está atrás do Santos, melhor do Paulista, só por saldo de gols. Os dois times jogam na última rodada. Mas, antes, o Alvinverde tem na quarta-feira a estreia na Copa do Brasil.

FICHA TÉCNICA
PAULISTA 1 X 3 PALMEIRAS

Local: estádio Teixeirão, em São José do Rio Preto (SP)
Data/Horário: 9 de março de 2014, sábado, às 18h30
Árbitro: Marcelo Aparecido Ribeiro de Souza
Assistentes: Fabrício Porfírio de Moura e Luis Alexandre Nilsen

Público/renda: Não disponíveis.
Cartões amarelos: David Batista (PAU); França, Miguel e Eguren (PAL)
Cartões vermelhos: Victor Hugo (7'/2ºT) e Marcelo Oliveira (11/2ºT)

GOLS: William Matheus, 20/1ºT (0-1); David Batista, 25'/1ºT (1-1); Miguel, 22'/2ºT (1-2); Patrick Vieira, 42'/2ºT (1-3)

PAULISTA: Ian, Crystian (Johni - 41'/2ºT), Leandro, Malcon, Victor Hugo, Sodó, Ewerton Pereira, Gabriel Leite (Felipe Silva - 40'/2ºT), Diego Rosa (Marcos Pit - 14'/2ºT), David Batista, Erik Mamadeira. Técnico: Beto Calvalcante.

PALMEIRAS: Fernando Prass Bruno Oliveira, Marcelo Oliveira, Tiago Alves, William Matheus; França, Eguren (Miguel - intervalo), Mendieta, Bruno César (Victo Luís - 18'/2ºT); Patrick Vieira e Vinicius (Mazinho - 31/2ºT). Técnico: Gilson Kleina.