icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
01/02/2015
19:11

O Tigres do Brasil, no retorno à elite do futebol carioca, saiu da partida contra o Nova Iguaçu com um gostinho de derrota. O placar de 1 a 1 foi frustrante para a Fera, que foi superior ao rival da Baixada no Estádio de Los Lários, neste domingo, mas permitiu o empate aos 47 do segundo tempo. Com gol de Paulinho Guará, o Tigres pensou que poderia segurar o resultado até o final, porém, os Guerreiros de Laranja, mesmo com um a menos em campo, conseguiram buscar o empate, com Cesinha.

TIGRES JOGA MELHOR E ABRE O PLACAR

Com um time rápido e jogadores que correm muito com a bola, o Tigres foi superior na primeira etapa, trocando bons passes e administrando melhor a partida. O time chegou ao gol logo aos nove minutos com Paulinho Guará e não deu muitas chances à equipe do Nova Iguaçu, que não se encontrou em campo e sofreu com a chuva forte que caiu no Los Lários.

COM UM A MENOS, NOVA IGUAÇU BUSCA EMPATE NOS ACRÉSCIMOS

No primeiro lance da segunda etapa, o volante e capitão do Nova Iguaçu, Paulo Henrique, fez falta no zagueiro Thiago Spice e recebeu do árbitro Carlos Eduardo Nunes Braga o cartão vermelho direto, deixando o time com um menos em campo e numa situação muito mais complicada.

A partida seguiu mas o Tigres não conseguiu acertar nos momentos chave para matar o jogo, o time trocava muitos passes mas não de forma objetiva. O Nova Iguaçu até tentava chegar ao gol da Fera, mas parecia não ter força o suficiente para assustar o goleiro Santiago.

O time do treinador Manoel Neto, com a superioridade numérica, foi administrando o resultado mas bobeou no final da partida. Aos 47 minutos, em escanteio cobrado para o Nova Iguaçu, o lateral-direito Cesinha apareceu sozinho dentro da área e cabeceou para empatar o jogo e frustrar as feras que estavam retornando à elite do futebol carioca.

Na próxima quarta-feira, pela segunda rodada do Cariocão, o Tigres do Brasil irá enfrentar o Resende no Estádio do Trabalhador, em Resende. Já o Nova Iguaçu, receberá o Fluminense, no Edson Passos, em Mesquita.