icons.title signature.placeholder Paulo Giannini e Thiago Ferri
05/03/2014
08:08

Mendieta iniciou à frente a disputa pela vaga de Valdivia, que está com a seleção chilena. Terça-feira, na Academia de Futebol, o técnico Gilson Kleina esboçou o time com o paraguaio entre os titulares, "furando" o planejamento antes criado para Bruno César.

Boa opção do Palmeiras especialmente entrando no segundo tempo, o gringo ganhou a chance na atividade por ter agradado à comissão técnica nos 26 minutos em que atuou contra o São Bernardo. Aproveitando a chance, o camisa 8 fez até gol nesse último coletivo.

– Sempre trabalho para jogar como titular. Quero sempre ser titular, e por isto preciso aproveitar os momentos que tenho. Na quinta-feira, espero ajudar ao time – afirmou Mendieta.

Provar a capacidade para ser titular é um dos desafios do meio-campista, que ainda não encantou quando esteve nos 11 titulares nesta temporada. A vantagem é que seu principal concorrente não está no auge físico.

Depois da estreia de Bruno César, contra o Ituano, o técnico Gilson Kleina planejava fazê-lo titular em três jogos – ou seja, na partida desta quinta-feira, contra a Portuguesa. No meio do caminho, porém, o ex-corintiano foi expulso e cumpriu suspensão diante do Bernô, abrindo chance ao seu "rival".

Ainda lutando para entrar em forma, Bruno admite não ter condições de ficar um jogo inteiro em campo. A comissão técnica, com isto, planeja fazê-lo chegar à sua melhor forma para a fase semifinal.

– Ele deu uma resposta muito grande desde que chegou em ganho físico. Ele vai condicionar e jogar, como os outros. Por enquanto, não aguenta os 90 minutos. Acredito que para a semifinal e final ele já vai estar em boa condição – falou Fabiano Xhá, em entrevista ao LANCE!Net.

Nesta tarde, o grupo faz a última atividade antes de enfrentar a Lusa, e Kleina terá a chance de ratificar a decisão de utilizar o ainda tímido Mendieta, que chegou ao Palmeiras no ano passado para a Série B.

Bruno, por sua vez, ainda tenta se adequar ao estilo intenso de jogo que a comissão técnica pede ao elenco. Além disto, sabe que terá de controlar o estilo explosivo, que já lhe rendeu uma expulsão com menos de 50 minutos em campo pelo Verdão.

MENDIETA X BRUNO CÉSAR NO ANO

Arma na segunda etapa
Se quando titular Mendieta não realizou grandes feitos, ao sair do banco de reservas o paraguaio costuma ajudar ao Verdão. Contra o XV de Piracicaba, entrou e deu a assistência para o gol da vitória, marcado por França. Na partida seguinte, novamente entrou no decorrer da partida, e foi dele o gol de empate com o Osasco Audax. Contra o Bernô, foi bem ao atuar na segunda etapa.

Boa estreia e irritação
Após quase um mês de preparação, Bruno César entrou nos últimos 20 minutos do jogo contra o Ituano e fez boa partida. Ajudou a abrir a defesa do rival e viu Alan Kardec marcar o gol da vitória perto dos acréscimos. Na rodada seguinte, diante do Botafogo, também foi um dos que Gilson Kleina colocou no fim, porém acabou expulso mesmo com apenas 28 minutos em campo.

QUANDO O CAMISA 8 É TITULAR...

5 - É a média L! do jogador contando as partidas contra Ituano e Botafogo, as únicas em que começou jogando neste ano.

QUANDO O CAMISA 8 SAI DO BANCO...

6,2 - Média L! levando em conta as atuações contra Atlético Sorocaba, XV, Audax, Corinthians e São Bernardo, jogos em que começou na reserva.