icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
11/12/2013
18:34

O complicado caso envolvendo o meia Matheus Índio, de 17 anos, pode ter um novo desdobramento. De acordo com o jornal português Público, um dos mais importantes do país, o jovem pode estar de malas prontas para ser apresentado pelo Porto nos próximos dias. Ainda segundo o jornal, o clube gastaria R$ 16 milhões com a contratação, firmando um acordo de longa duração.

O jogador vive um imbróglio judicial com o Vasco. No final do mês de novembro, o meia havia conseguido uma liminar na Justiça por conta de atraso salarial e outros débitos do Vasco e chegou a ser apresentado no Penapolense (SP). Mas, em sentença publicada no último dia 27, a Juíza Patricia de Medeiros Ribeiro, da 29ª Vara da Justiça do Trabalho, julgou que a ação era improcedente e Índio deveria voltar ao Vasco, o que ainda não aconteceu.

Índio seria, inicialmente, integrado ao time "B" do Porto, que disputa a segunda divisão do Campeonato Português. A equipe conta com outros jogadores pouco aproveitados no elenco principal e recém promovidos ao profissional. Jogadores, como o jovem brasileiro Kelvin, de 20 anos, que fez o gol do título português da última temporada, revelado pelo Paraná, foram para o time "B" e subiram para o principal. Delatorre, revelado no Internacional e hoje no Atlético-PR, também passou pela equipe.