icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
03/11/2013
18:57

O sonho do título para o Grêmio ficou ainda mais longe neste domingo, quando, no duelo de tricolores, o gaúcho não furou o bloqueio baiano e os times ficaram no 0 a 0, em jogo válido pela 32ª rodada do Campeonato Brasileiro. Uma Arena do Grêmio não muito cheia viu Marcelo Lomba fechar o gol e garantir o empate.

Na próxima rodada, o Grêmio encara o Cruzeiro com um pequeno resquício de esperança para o título, visto que agora a diferença entre os dois é de 14 pontos. Ainda assim, o Tricolor gaúcho subiu uma posição, ajudado pela derrota do Botafogo para o Goiás. O Bahia, por sua vez, conquista um importante ponto e pula para 38 pontos, ficando a dois do Vasco, primeiro dentro da zona do rebaixamento. Na próxima rodada o time de Cristóvão encara o Atlético-MG, no sábado, na Fonte Nova.


LOMBA SALVA O BAHIA

Na primeira parte do jogo, os times não encontraram seu futebol. O Grêmio, melhor tecnicamente, trocou muitos passes e abusou da jogada área, mas sem eficiência. Os zagueiros do Bahia estavam tirando todas lá atrás e Marcelo Lomba fazia seu trabalho de maneira impecável. Para o time de Cristóvão, os problemas começavam do meio para a frente. Souza, que jogava de armador, pegou pouquíssimas vezes na bola e não criou nenhuma chance. A equipe terminou a primeira etapa com apenas uma finalização.

Os primeiros 45 minutos, na verdade, foram marcados pelo número de faltas. Mais de 20, com três cartões amarelos, podendo ter dois vermelhos, caso Alício Pena Júnior fosse mais rigoroso. Vargas parou contra-ataque claro quando Rafael Miranda chegaria na cara do gol e ficou só no amarelo. Pouco depois, o próprio Vargas levou um pisão desnecessário de Jussandro, que já tinha amarelo.


Grêmio buscou muito a bola área na primeira etapa (Foto: Ricardo Rímoli/LANCE!Press)

A melhor chance do jogo foi aos 11 minutos, quando Ramiro cruzou da direita e Kléber se antecipou a Demerson para desviar, obrigando Marcelo Lomba a fazer uma defesa difícil. Dida sequer sujou o uniforme.

GRÊMIO PRESSIONA, MAS NÃO MARCA

Parecido com a primeira parte, na segunda metade da partida o Grêmio jogou no campo do Bahia o tempo inteiro. Mais bolas erguidas na área e, desta vez, algumas chances boas, incluindo novas defesas de Marcelo Lomba. Na principal delas, cruzamento de Kleber da esquerda, Barcos empurrou o zagueiro, dominou, soltou uma patada e acertou a trave. Na sobra, Vargas chutou forte e Lomba defendeu antes de a bola quicar e sair por cima por muito pouco.


Barcos lamenta após perder gol (Foto: Ricardo Rímoli/LANCE!Press)

Barcos teve uma outra ótima oportunidade. Ele fez boa jogada pela direita e tentou o chute dividido com Lomba, que evitou o gol. Isso levou Kleber à loucura, pois ele estava livre dentro da pequena área e em melhores condições para abrir o marcador. Zé Roberto e Elano entraram, mas pouca coisa mudou. O Grêmio não conseguiu furar o bloqueio baiano e ficou muito longe do título brasileiro.

FICHA TÉCNICA
GRÊMIO 0X0 BAHIA

Local: Arena do Grêmio, em Porto Alegre (RS)
Data-hora: 3/11/2013 - 17h
Árbitro: Alício Pena Júnior (MG/ESP)
Auxiliares: Nadine Bastos (SC/Asp Fifa) e Marrubson Freitas (DF-ESP)
Renda/Público: R$ 562.930,00 / 16.227 pagantes
Cartões Amarelos: Vargas e Wendell (GRE); Jussandro, Feijão e Marcelo Lomba (BAH)
Cartões Vermelhos: -

GOLS: -

GRÊMIO: Dida; Moisés, Bressan, Rhodolfo e Alex Telles (Wendell - 31'/2ºT); Souza, Riveros (Zé Roberto - 35'/2ºT) e Ramiro (Elano - 18'/2ºT); Vargas, Barcos e Kleber. Técnico: Renato Gaúcho.

BAHIA: Marcelo Lomba; Fabrício Lusa (Madson - 42'/2ºT), Lucas Fonseca, Demerson e Jussandro (Raul - 33'/2ºT); Fahel, Feijão, Rafael Miranda e Souza (Anderson Talisca - 17'/2ºT); William Barbio e Fernandão. Técnico: Cristóvão Borges