icons.title signature.placeholder Renato Rodrigues
20/03/2014
00:58

Contratado para compor elenco e ser lapidado a médio ou longo prazo, o atacante Luciano, titular do Corinthians nos últimos jogos, segue em fase mágica. Nesta quarta-feira, ele fez os dois gols da vitória por 2 a 0 do Timão sobre o Bahia de Feira, pela Copa do Brasil, resultado que eliminou o duelo de volta.

Em entrevista coletiva, o técnico Mano Menezes rasgou elogios para o camisa 18 e afirmou que ele é premiado por sua dedicação.

- Não tenho preferência por tirar ou deixar um jogador. Mas acho que a gente precisa respeitar a produção em campo. Vale para o Luciano o que vale para todos outros. Desde que ele, chegou vem passando por esse momento especial. Fazer seis gols em um curto espaço de tempo é muito difícil. Ele tem sido premiado pela dedicação. Quando perde a bola, volta até o meio, ajuda, retoma a bola, briga por ela. A sorte costuma brindar aqueles que são bem dedicados. A equipe também tem tido mérito para dar a bola para ele fazer o gol. No primeiro gol teve uma assistência muito boa do Romarinho. O segundo ele fez como centroavante - disse o treinador alvinegro, no gramado do estádio Joia da Princesa.

Luciano assumiu a vaga no ataque no lugar de Guerrero, que sofreu duas lesões nas últimas semanas. No próprio jogo em que entrou no lugar de Guerrero, ele fez dois gols na vitória por 3 a 0 sobre o Comercial. Depois, fez mais na goleada por 4 a 0 sobre o Linense e, agora, dois diante do Bahia de Feira.

Para Mano Menezes, o esquema sem um centroavante também tem dado certo e pode ser a primeira opção da equipe, mesmo com a volta de Guerrero, o que deve ocorrer apenas na metade de abril.

- As duas maneiras (com centroavante ou dois homens de velocidade) funcionam bem, desde que a equipe execute-as bem. Quando tem dois homens de movimentação, Romarinho e Luciano, que não fazem pivô, a equipe tem de jogar em diagonal, dar bola em condição para eles definirem. Guerrero tem presença de área marcante, vem atravessando fase dificil, mas tem condições de passar por ela - afirmou o técnico.

Poucas mudanças para domingo

Já eliminado do Paulistão, o Corinthians voltará a jogar neste domingo, pela última rodada da primeira fase, diante do Atlético Sorocaba, no Pacaembu. Mano queria repetir a equipe desta quarta, mas não terá Guilherme, suspenso pelo terceiro cartão amarelo, nem Cleber, expulso diante do Penapolense. A equipe deve ser formada por: Cássio, Fagner, Felipe, Gil e Fábio Santos; Ralf, Bruno Henrique, Renato Augusto e Jadson; Romarinho e Luciano.

- Vamos jogar o jogo para ganhar. Gostaria de repetir dentro do possível. Guilherme está fora pelo terceiro amarelo, Cleber foi expulso, aí já são duas modificações. É bem provável que utilize Bruno Henrique no lugar do Guilherme e Felipe no lugar do Cleber. E, talvez, eu repita o restante da equipe - disse Mano.