icons.title signature.placeholder Maurício Oliveira
04/06/2014
19:46

A Seleção Brasileira deve jogar para mais de 60 mil pessoas na próxima sexta-feira, no Morumbi, contra a Sérvia. Até o início da noite desta quarta-feira, segundo a Federação Paulista de Futebol, haviam sido vendidos mais de 56 mil dos 64.780 ingressos, colocados à venda desde 1º de maio.

As entradas para arquibancadas, as mais baratas (R$ 100, atrás das traves, e R$ 180, centrais), esgotaram-se no último fim de semana. Restam ingressos para cadeira especial (R$ 300) e cadeiras cativas (R$ 180, para proprietários).

O São Paulo, que tem direito a 12% da renda bruta do amistoso pelo aluguel do estádio, espera arrecadação de R$ 9 milhões com a bilheteria – receberá mais de R$ 1 milhão se a expectativa se confirmar.

O recorde do futebol brasileiro, porém, continuará sendo do Atlético-MG, na final da Libertadores de 2013, disputada no Mineirão contra o Olimpia (PAR), com R$ 14.176.000.

No amistoso da Seleção da última terça-feira, contra o Panamá (vitória por 4 a 0), no Serra Dourada, em Goiânia, 30.663 torcedores pagaram ingresso para uma renda de R$ 2.548.030.