icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
07/07/2013
09:03

Em 2012, a torcida são-paulina comemorou bastante os gols de Luis Fabiano e Willian José. O primeiro, que desperta sentimentos conflitantes como amor e ódio na torcida, terminou com 31 gols marcados. O segundo, aproveitou as oportunidades e foi às redes 15 vezes, mas viveu à sombra de Fabuloso. Agora, os dois se reencontrarão, em lados opostos, na disputa pelos três pontos no Campeonato Brasileiro.

O camisa 9 do Peixe chegou ao Santos há dois meses com a incumbência de ser o goleador da equipe. Após deixar o Tricolor paulista em direção ao Tricolor do sul, o atacante encontrou concorrência no Grêmio, principalmente com as chegadas do argentino Hernán Barcos e do chileno Eduardo Vargas. Em novos ares, o jogador do time da Baixada Santista participou de quatro jogos e fez um gol, justamente diante do clube gaúcho.

Willian deixou o São Paulo após vaias constantes nos últimos meses de 2012 e cobranças por parte da torcida. A ideia, com a saída, era a de brigar pela titularidade em outra equipe, algo complicado no Tricolor, por conta da presença de Luis Fabiano.

- Não quero provar nada para ninguém. Quero mostrar apenas pra mim que tenho potencial. Espero sair com a vitória, que é o mais importante, e, se Deus quiser, marcando gols - afirmou o jogador, durante entrevista coletiva.

Já Luis Fabiano tem três gols no Campeonato Brasileiro. Na temporada, o camisa 9 foi às redes em 17 oportunidades. Após insatisfações com a diretoria, que o colocou para a imprensa sob a alcunha de "negociável", Fabuloso teve propostas para deixar o clube durante a disputa da Copa das Confederações, mas apaziguou as situações e agora quer brilhar.

Neste domingo, Fabuloso terá oportunidade de ser o quinto maior artilheiro do São Paulo de maneira isolada. Atualmente, está igualado com Luizinho. Além disso, pode ajudar o Tricolor a vencer o primeiro clássico neste ano.

Em 2012, a torcida são-paulina comemorou bastante os gols de Luis Fabiano e Willian José. O primeiro, que desperta sentimentos conflitantes como amor e ódio na torcida, terminou com 31 gols marcados. O segundo, aproveitou as oportunidades e foi às redes 15 vezes, mas viveu à sombra de Fabuloso. Agora, os dois se reencontrarão, em lados opostos, na disputa pelos três pontos no Campeonato Brasileiro.

O camisa 9 do Peixe chegou ao Santos há dois meses com a incumbência de ser o goleador da equipe. Após deixar o Tricolor paulista em direção ao Tricolor do sul, o atacante encontrou concorrência no Grêmio, principalmente com as chegadas do argentino Hernán Barcos e do chileno Eduardo Vargas. Em novos ares, o jogador do time da Baixada Santista participou de quatro jogos e fez um gol, justamente diante do clube gaúcho.

Willian deixou o São Paulo após vaias constantes nos últimos meses de 2012 e cobranças por parte da torcida. A ideia, com a saída, era a de brigar pela titularidade em outra equipe, algo complicado no Tricolor, por conta da presença de Luis Fabiano.

- Não quero provar nada para ninguém. Quero mostrar apenas pra mim que tenho potencial. Espero sair com a vitória, que é o mais importante, e, se Deus quiser, marcando gols - afirmou o jogador, durante entrevista coletiva.

Já Luis Fabiano tem três gols no Campeonato Brasileiro. Na temporada, o camisa 9 foi às redes em 17 oportunidades. Após insatisfações com a diretoria, que o colocou para a imprensa sob a alcunha de "negociável", Fabuloso teve propostas para deixar o clube durante a disputa da Copa das Confederações, mas apaziguou as situações e agora quer brilhar.

Neste domingo, Fabuloso terá oportunidade de ser o quinto maior artilheiro do São Paulo de maneira isolada. Atualmente, está igualado com Luizinho. Além disso, pode ajudar o Tricolor a vencer o primeiro clássico neste ano.