icons.title signature.placeholder Luis Fernando Coutinho
12/11/2014
13:15

John Lineker esteve muito perto da chance de garantir sua posição de desafiante número um na categoria dos moscas do Ultimate. O atleta estava escalado para enfrentar Ian McCall pelo posto no UFC de Uberlandia, que aconteceu no último sábado. Porém, com uma infecção viral, americano deixou o confronto na véspera e cancelou o combate, deixando o brasileiro sem poder se apresentar. Independente da natural ideia de remarcar ou não a disputa, o paranaense se antecipou ao Ultimate e tem sua intenção: ele quer a chance direta pelo título contra o atual campeão Demetrious Johnson.

- Estou bastante chateado. Lutador gosta de lutar. Só sei fazer isso. Aproveitando, já que não tive a oportunidade de lutar com ele e vencê-lo, por que agora não posso ter a chance de ir direto para o título? UFC, te peço humildemente que me dê essa oportunidade. Não estou sabendo de nada que possa acontecer. Vim lutar com ele e mostrar que sou capaz de disputar o título. Já que não houve a luta, assim como ele já teve a chance dele, queria disputar o título - avaliou.

Depois de finalizar Chris Cariasso, Demetrious Johnson ainda não tem adversário definido para sua próxima defesa de cinturão. Apesar de antigas dificuldades com o peso, Lineker garante que aceitaria o chamado para uma disputa mesmo se fosse chamado com pouca antecedência. Lineker, inclusive, já projeta o duelo com o atual campeão.

Lineker vem de vitória na decisão contra Alptekin Ozkilic (FOTO: UFC)

- O tempo que preciso é de três a quatro meses para um trabalho sério e focado. Mas com certeza (aceitaria o chamado). É a oportunidade da vida. Me sacrificaria um pouco mais para o meu sonho ser realizado. Venho fazendo um trabalho, evoluindo, e mostrei isso nas últimas lutas. Estou preparado 100% para o título declarou o paranaense, que emenda dizendo como pretende parar o dono do cinturão da categoria dos moscas.

- Com as mãos de pedra. A hora que entrar a mão, ele vai parar, com certeza - concluiu.