icons.title signature.placeholder RADAR/LANCEPRESS!
28/11/2014
15:33

A Liga de Basquete Feminino (LBF) – 2014/15 será aberta neste sábado, às 10h (de Brasília), no Ginásio Municipal Centro Cívico, na cidade de Americana (SP), com a partida entre a ADCF Unimed/Americana, atual campeã, e o ‘caçula’ APABA/Barretos.

A equipe de Americana, comandada pelo experiente técnico Antônio Carlos Vendramini, manteve a base da última temporada e trouxe alguns reforços, com isso figura entre os favoritos. As caras novas são: Palmira Marçal (lateral ex-Sport), Damiris do Amaral (pivô – ex-Minnesota Lynx/EUA) e Patrícia Chuca (ala – ex-Ourinhos). Outros nomes importantes do elenco são Karla Costa, Clarissa dos Santos, Joice Rodrigues e a cubana Ariadna Felipe, eleita a jogadora mais valiosa (MVP) da última temporada.

- Temos treinado de forma muito intensa e acredito que vamos fazer uma estreia bem legal. O ideal seria estar disputando algum torneio, como os Jogos Abertos, por exemplo, para ter ritmo de jogo, mas, independentemente desta situação, estamos preparados. Nosso grupo é maduro e sabe que terá muitas pedreiras pela frente, mas todos nós, diretoria, comissão técnica e jogadoras, estamos bem focados na disputa - comentou Vendramini.

Já o ‘caçula’ APAB/Barretos estreia na competição com um elenco de base jovem, com vários nomes promissores, que serão acompanhados por algumas atletas mais experientes. Entre os reforços estão: Maria Carolina (ala/pivô – ex-Unimed/Americana), as norte-americanas Richa Jackson (ala – ex-Duke University) e Chloe Wells (armadora – ex-Duke University) e Bárbara Souza (pivô – ex-Rio Claro). Outros nomes importantes do elenco são Kananda Benedicto, Emily Silva e Maila Ciciardi.

- Nossa equipe é a mais jovem do campeonato e a grande maioria das jogadoras entrará em quadra pela primeira vez na LBF. Temos o objetivo de fazer um bom jogo, controlar a ansiedade e o nervosismo para apresentar um bom basquetebol. Enfrentaremos a melhor equipe do Brasil na atualidade e sabemos que teremos grandes dificuldades, pois todas as atletas do time de Americana têm grande experiência e qualidade - analisou o técnico Alexandre Escame.