icons.title signature.placeholder RNL/LANCEPRESS!
21/11/2014
19:30

Ídolo da Desportiva, o meia Léo Oliveira decidiu pendurar as chuteiras. O jogador, apelidado de maestro pela torcida Grená, se reuniu com a diretoria do clube na tarde de terça-feira e informou que vai se aposentar. Aos 35 anos, Léo deixa o clube depois de conquistar títulos importante com a Locomotiva, entre eles dois estaduais (2000 e 2013) , uma Copa Espírito Santo (2012), e Série B do Campeonato Capixaba, em 2012.

Fora das finais da Copa ES 2014, a Desportiva já planeja um jogo de despedida para o maestro, mas ainda sem data definida para acontecer. Com passagens por Vilavelhense e Aracruz, e por times de São Paulo como Nacional e Paulista de Jundiaí, o meia viu nos contantes problemas no joelho um sinal de que era hora de parar.

- Pensava em parar antes da Copa ES, mas Vevé pediu para ajudar mais uma vez, com minha experiência. Acabou dando certo, porque joguei bem e fiz gols. Por isso, ele conversou novamente para poder jogar o Estadual, mas pedi para parar agora, desse jeito, tendo feito um bom campeonato, apesar de não ter conquistado o título. A parte física é o que mais pesa na decisão - declarou o jogador em entrevista "A Gazeta".

Constantemente homenageado pelos grenás com faixas e cantos, o ídolo se emociona ao falar da relação que tem com a torcida da Desportiva e faz planos para continuar ajudando o clube fora das quatro linhas.

- Passei meus últimos quatro anos ali e me considero um vencedor. Essa questão de Maestro e ídolo surgiu por conta do recomeço em 2011, que a Desportiva estava praticamente falida. Fui pegando um amor muito grande pelo clube, e a torcida foi vendo meu esforço. Fui crescendo junto com a Desportiva. Vou sentir muita falta dessa torcida, que me ajudou bastante - garantiu.

Aposentado, Léo não quer se afastar do mundo da bola e planeja continuar no futebol como treinador.

- Quero estudar, fazer alguns cursos no futebol e contribuir também fora de campo, como fiz dentro. Sei que também sou referência para a garotada da Desportiva, e isso me deixa muito feliz - afirmou.