icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
29/11/2013
00:12

O Lanús será o adversário da Ponte Preta na final da Copa Sul-Americana. Nesta quinta-feira, em La Fortaleza, na Grande Buenos Aires, o Granate bateu o Libertad por 2 a 1, eliminando os paraguaios com um placar agregado de 4 a 2, na semifinal do torneio.

A decisão será disputada a partir da próxima quarta-feira, dia 4 de dezembro, no Pacaembu, em São Paulo. A volta está marcada para Argentina, no dia 11.

Campeão da Conmebol em 1996, o Lanús busca o segundo caneco internacional de sua história.

Com a vantagem do empate, o Lanús entrou em campo sem pressão e foi logo abrindo o placar na primeira chegada. Com 12 minutos após o pontapé inicial, Santiago Silva ajeitou de cabeça e González acertou o ângulo de Muñoz. O Libertad sentiu o gol e demorou para reagir. Os paraguaios tiveram apenas uma chance, com Montenegro parando no goleiro Marchesín.

Acidentalmente, o Libertad chegou ao empate. González cobrou falta, que desviou na barreira e entrou. Mas o time visitante não soube aproveitar o momento favorável. Minutos depois, Aquino cometeu pênalti em Díaz. Goltz cobrou e desempatou.

O Lanús seguiu sereno e dono das ações, enquanto os paraguaios, no desespero, foram aceitando a superioridade do rival, não conseguiram reagir e acabaram derrotados por 2 a 1.