icons.title signature.placeholder Rafael Sandrão
icons.title signature.placeholder Rafael Sandrão
04/07/2013
12:23

O piloto finlandês Kimi Räikkönen, conhecido como Homem de Gelo, busca neste fim de semana acabar com a falta de sorte que tem proporcionado resultados negativos no GP da Alemanha de Fórmula 1.

- Eu gosto de dirigir na Alemanha, mas o problema é que lá a sorte nunca está ao meu lado e sempre tem alguma coisa que acontece e me impede de vencer - disse o piloto. Desde que entrou para a categoria, Räikkönen correu 11 vezes no país e em nove delas abandonou a prova com algum problema mecânico.

Até mesmo em 2001, temporada em que sagrou-se campeão mundial, Räikkönen deixou de pontuar apenas nas corridas da Alemanha e da Espanha. Seu melhor resultado no país foi a terceira colocação em 2006, quando o evento acontecia ainda no circuito de Hockenheim.

Kimi Räikkönen ocupa a terceira colocação na classificação geral com 98 pontos, atrás do alemão Sebastian Vettel (132) e do espanhol Fernando Alonso (111).

O piloto finlandês Kimi Räikkönen, conhecido como Homem de Gelo, busca neste fim de semana acabar com a falta de sorte que tem proporcionado resultados negativos no GP da Alemanha de Fórmula 1.

- Eu gosto de dirigir na Alemanha, mas o problema é que lá a sorte nunca está ao meu lado e sempre tem alguma coisa que acontece e me impede de vencer - disse o piloto. Desde que entrou para a categoria, Räikkönen correu 11 vezes no país e em nove delas abandonou a prova com algum problema mecânico.

Até mesmo em 2001, temporada em que sagrou-se campeão mundial, Räikkönen deixou de pontuar apenas nas corridas da Alemanha e da Espanha. Seu melhor resultado no país foi a terceira colocação em 2006, quando o evento acontecia ainda no circuito de Hockenheim.

Kimi Räikkönen ocupa a terceira colocação na classificação geral com 98 pontos, atrás do alemão Sebastian Vettel (132) e do espanhol Fernando Alonso (111).