icons.title signature.placeholder Caio Carrieri
14/03/2014
19:19

O staff de Luis Felipe garante que ele irá recorrer da decisão da Justiça do Trabalho de São Paulo, que extinguiu a ação movida pelo Palmeiras contra o lateral-direito. A intenção da defesa do jogador é provar que ele não se comprometeu a renovar o contrato até dezembro.

No primeiro semestre do ano passado, o Verdão acertou a prorrogação do vínculo do jogador (que se encerraria neste mês de março) até o fim de 2014. O clube, porém, redigiu um formulário de registro na FPF com erro na elaboração, que previa equivocadamente o término em dezembro de 2013. Após notar a falha, Luis Felipe solicitou valores bem maiores para renovar e entrou em atrito com a diretoria.

Além de mover o processo, o clube conseguiu provar à federação, por meio de documentos, que o atleta tinha se comprometido a permanecer no clube e houvera apenas um equívoco no momento de redigir a papelada. Com o registro do novo vínculo, a Justiça tornou a ação extinta.

Encostado desde o fim do ano passado, o lateral treina na Academia de Futebol em horários alternativos ao do elenco principal. Mesmo que o jogador não tenha ambiente para voltar a atuar - é alvo de xingamentos da torcida -, o presidente Paulo Nobre diz que só depende da comissão técnica.