icons.title signature.placeholder Alexandre Braz
30/07/2014
13:06

Na opinião do lateral-esquerdo Junior Cesar, o elenco do Botafogo tem de esquecer o problema dos salários atrasados e pensar apenas no trabalho em campo. De acordo com o jogador, a reunião com o diretor técnico Wilson Gottardo, na manhã de terça-feira, marcada para falar do protesto feito pelo elenco antes do clássico contra o Flamengo, foi muito proveitosa e serviu para uma nova conscientização. Além disso, o jogador afirmou que é preciso mais doação de todos para que o time melhore o futebol apresentado, e, consequentemente, a posição na tabela de classificação no Campeonato Brasileiro

- Precisamos que os resultados voltem a acontecer, não uma vez, mas com frequência, para termos uma regularidade. Ainda não encontramos essa regularidade. Temos a oportunidade de enfrentar o líder e fazer o melhor. Na nossa conversa (na terça-feira), chegamos à conclusão de que precisamos dar mais um pouquinho. Independentemente do que vem acontecendo, estamos vestindo a camisa de um grande clube e precisamos representá-lo da melhor maneira possível - disse Junior, em entrevista coletiva, concedida nesta quarta-feira, no Engenhão.


Nesta quarta, o elenco alvinegro treina em tempo integral. De manhã, um treino físico foi realizado e, à tarde, Vagner Mancini deve levar os jogadores a campo para iniciar a preparação para o jogo de sábado, contra o Cruzeiro, no Maracanã. Na opinião de Junior Cesar, a partida diante dos mineiros, que lideram o Brasileirão, será uma ótima oportunidade para os alvinegros iniciarem uma reação dentro da competição.


Conversas do técnico Mancini com o elenco têm sido frequentes (Foto: Paulo Sergio/ LANCE!Press)

- Temos que esquecer isso (salários atrasados e crise), porque esse assunto não vai nos levar a nada, não existe solução definitiva. O jogo de sábado não vai ser cancelado. Ele vai acontecer. Então o time precisa estar preparado para fazer o melhor. Não queremos mais falar de salário, porque isso tem acontecido com frequência. O importante é o campo. Porque se cochilar, fica muito difícil recuperar no segundo turno - afirmou o lateral.

Com 12 pontos, o Botafogo ocupa a 13ª colocação na tabela de classificação no Brasileirão. A partida de sábado, no Maracanã, valerá pela 13ª rodada do campeonato e terá início às 18h30.