icons.title signature.placeholder Luiz Carlos Ferreira
icons.title signature.placeholder Luiz Carlos Ferreira
09/07/2013
20:14

Uma das estrelas da Seleção, Jorginho, que atualmente atua pelo Kristall no Campeonato Russo, criticou os conflitos políticos do esporte no país e o fato de o Brasil sair em desvantagem na preparação para a Copa do Taiti, que começa no dia 18 de setembro.

– A gente fica esperando essas pessoas que comandam tomarem uma atitude para o bem do esporte, mas o que a gente vê é somente uma briga. Nós atletas, que somos os que realmente fazem o esporte, ficamos boiando e vendo tempo passar, sem calendário, sem estrutura, ou seja, sem nada. Enquanto isso todas as seleções que vão participar da Copa do Mundo já estão treinando – disse o jogador.

Ele ressaltou que os jogadores permanecem motivados para a conquista do título, vencido pela Rússia em 2011, mas que irão cobrar melhorias na estrutura.

– Os jogadores darão a vida em quadra, mas os atletas também acordaram e querem uma estrutura compatível para um jogador de Seleção – afirmou Jorginho.

Uma das estrelas da Seleção, Jorginho, que atualmente atua pelo Kristall no Campeonato Russo, criticou os conflitos políticos do esporte no país e o fato de o Brasil sair em desvantagem na preparação para a Copa do Taiti, que começa no dia 18 de setembro.

– A gente fica esperando essas pessoas que comandam tomarem uma atitude para o bem do esporte, mas o que a gente vê é somente uma briga. Nós atletas, que somos os que realmente fazem o esporte, ficamos boiando e vendo tempo passar, sem calendário, sem estrutura, ou seja, sem nada. Enquanto isso todas as seleções que vão participar da Copa do Mundo já estão treinando – disse o jogador.

Ele ressaltou que os jogadores permanecem motivados para a conquista do título, vencido pela Rússia em 2011, mas que irão cobrar melhorias na estrutura.

– Os jogadores darão a vida em quadra, mas os atletas também acordaram e querem uma estrutura compatível para um jogador de Seleção – afirmou Jorginho.