icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
15/07/2013
20:37

Caso seja realmente confirmado na partida diante do São Paulo, pela Recopa Sul-Americana, Emerson Sheik alcançará uma marca importante pelo Corinthians: o centésimo jogo.

Curiosamente, porém, ele pode ser também o último. Afinal, a diretoria corintiana e o próprio empresário do jogador têm dito em entrevistas que a situação contratual dele será definida após a decisão do título continental. Com vínculo apenas até dezembro, o camisa 11 pede um acordo por mais dois anos, enquanto o clube bate firme na proposta de apenas mais uma temporada.

O Flamengo, principal interessado no atacante, conseguiu assegurar ao agente Reinaldo Pitta que terá condições de arcar com o salário de 400 mil oferecido ao atleta. Durante o fim de semana, o clube não havia atendido o pedido e a negociação chegou a esfriar.

Caso o clube paulista e o jogador não cheguem a um acordo de continuidade, o Timão deverá liberá-lo já neste mês, exigindo uma compensação financeira para a quebra antes do término do vínculo. Com isso, o Timão perderia um dos seus jogadores mais experientes para o Brasileirão.

Caso seja realmente confirmado na partida diante do São Paulo, pela Recopa Sul-Americana, Emerson Sheik alcançará uma marca importante pelo Corinthians: o centésimo jogo.

Curiosamente, porém, ele pode ser também o último. Afinal, a diretoria corintiana e o próprio empresário do jogador têm dito em entrevistas que a situação contratual dele será definida após a decisão do título continental. Com vínculo apenas até dezembro, o camisa 11 pede um acordo por mais dois anos, enquanto o clube bate firme na proposta de apenas mais uma temporada.

O Flamengo, principal interessado no atacante, conseguiu assegurar ao agente Reinaldo Pitta que terá condições de arcar com o salário de 400 mil oferecido ao atleta. Durante o fim de semana, o clube não havia atendido o pedido e a negociação chegou a esfriar.

Caso o clube paulista e o jogador não cheguem a um acordo de continuidade, o Timão deverá liberá-lo já neste mês, exigindo uma compensação financeira para a quebra antes do término do vínculo. Com isso, o Timão perderia um dos seus jogadores mais experientes para o Brasileirão.