icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
20/11/2013
14:56

Pela terceira vez no campeonato, o Fluminense conseguiu emplacar uma sequência de duas vitórias consecutivas e, de quebra, afastou de maneira considerável o perigo de ser rebaixado para a Série B em 2014. Com a chegada de Dorival Júnior e a volta das vitórias, a festa no tricolor chega a ser algo natural, porém, para o volante Jean, o momento é de comemoração, mas com os pés no chão.

- Temos que viver a realidade. Ganhamos dois jogos importantes, mas não estamos livres. Vencemos o Náutico, comemoramos muito porque saímos do jejum. A confiança mudou e contra o São Paulo mostramos isso em campo. Ganhamos no fim do jogo. Confiança e motivação voltaram devido às vitórias, mas vamos viver a realidade para não relaxar porque ainda não estamos salvos na tabela. O foco é o mesmo. Tem que ter a vontade, garra, pegada que tivemos nos jogos anteriores porque essa vitória é tão importante quanto as outras - disse o volante.

Com as vitórias e o afastamento da zona de rebaixamento, o Fluminense não depende de mais ninguém a não ser dele mesmo para fugir de vez da zona do rebaixamento, e Jean não pretende chegar na última rodada precisando vencer o Bahia, ourtra equipe que está na luta para fugir do Z4, em Salvador.

- Não queremos de maneira nenhuma depender da última rodada para ficar livre do rebaixamento. Queremos sair logo dessa situação para termos tranquilidade. Esse é o nosso maior objetivo. Decidir contra o Bahia lá será difícil. Vamos fazer de tudo para que não seja necessário jogar lá precisando vencer - concluiu.

O Fluminense está na 15ª colocação, com 42 pontos, e volta a campo neste domingo, diante do Santos, às 17h, em Presidente Prudente, pela 36ª rodada do Campeonato Brasileiro.