icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
07/04/2014
08:05

A campanha começou. A série de homenagens daria o tom do que viria a seguir: os pedidos de Abel Braga e D'Alessandro para que o zagueiro Índio renove pelo menos até o final de 2014 com o Internacional. A julgar pela reação das arquibancadas, os torcedores colorados também querem que o veterano se mantenha no clube.

Índio foi ovacionado durante o amistoso de reabertura do Beira-Rio, neste domingo. O zagueiro de 39 anos, há 10 temporadass vestindo as cores do Colorado, deu uma volta olímpica com a taça ganha na vitória sobre os uruguaios. Ouviu dos colegas e de Abel que é o maior jogador da história do Inter. A pressão acabou no colo dos dirigentes colorados. 

- Foi mais um dia especial, a homenagem é justa. Se depender de mim, fica no mínimo até o final do ano, e não até junho - revelou o técnico Abel Braga.

- Gostaria de que ele fique até o final do ano, nosso grupo gostaria de contar com ele até o final do ano - engrossou o coro D'Alessandro.

A reação dos colorados ao ver o jogador correr para receber as orientações de Abel demonstra o que Índio representa. Mas a direção, há poucos metros de onde D'Ale e Abelão concederam entrevistas, estava o vice de futebol Marcelo Medeiros. Questionado sobre a possível renovação de Índio, tergiversou. Apenas disse que ainda há tempo para tratar desta situação e que o assunto seria debatido. No Beira-Rio, o clima era de despedida para o zagueiro, pelas homenagens. Até porque o Inter renovou com Índio em dezembro por mais seis meses.

Durante a semana, Índio concedeu entrevista coletiva e afirmou que acha que ainda pode atuar. Ou seja, não quer se aposentar e vai continuar atuando. Seja no Inter ou em outro clube no ano.

O defensor esteve presente nas conquistas do bi da América, do Mundial, da Sul-Americana, de duas Recopas e de títulos gaúchos - no próximo domingo, pode se sagrar mais uma vez campeão do Estadual. É o jogador que mais atuou no atual elenco do Inter, com 388 partidas. Marcou 33 gols e é o zagueiro que mais marcou gols na história colorada.