icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
28/06/2014
14:42

Após a saída de Wendell, a lateral esquerda do Grêmio passa por um período de incerteza. O técnico Enderson Moreira ainda não tem definido se o jovem Breno ou o contratado Marquinhos Pedroso será titular. Tanto que o zagueiro Saimon foi testado improvisado na função.

A explicação do comandante gremista é para deixar uma opção preparada em caso de uma emergência. Cita a estatura como um problema para os dois jogadores especialistas da função. Segundo suas fichas de assessoria de imprensa, Breno tem 1,78m e Marquinhos 1,75m. Saimon passa dos 1,80m.

- Sempre preparamos alguns zagueiros para que possam jogar pelo lado, pode ser interessante. Não temos laterais de tanta estatura. Percebemos que alguns treinadores colocam algum jogador de mais estatura pelo lado. Pode ser conveniente para fechar o jogo ou até iniciar. Sempre tenho a rotina de fazer que os zagueiros e demais atletas possam transitar em outras funções - comentou Enderson.

A posição vem de duas unanimidades até o momento. No ano passado, Alex Telles chegou do Juventude e assumiu a posição. Mas foi vendido ao Galatasaray no início de 2014. Wendell, contratado ano passado, assumiu, mas também foi negociado neste ano. Agora, a posição está vaga. Marquinhos tem contrato de empréstimo até o final da temporada e pertence ao Figueirense.

Neste ano, quando não pode contar com Wendell, Enderson já dava indícios que seria reticente na aposta em Breno. Na partida contra o San Lorenzo, pela Libertadores, improvisou o volante Léo Gago na função. O meio-campista foi emprestado ao Bahia.