icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
19/11/2013
19:05

A seleção grega carimbou sua presença na Copa do Mundo de 2014. Mesmo fazendo gol contra bisonho na segunda etapa, a Grécia garantiu o empate em 1 a 1 com a Romênia, na Arena Nacional em Bucareste, em jogo no qual aproveitou-se da ansiedade do ataque romeno para se sobressair. Os gregos tinham feito uma vantagem por 3 a 1 no jogo de ida da repescagem das Eliminatórias para a Copa do Mundo.

Mitroglou abrira o placar para a equipe grega, enquanto Torosidis (contra) empatou para os romenos.

ROMÊNIA PRESSIONA, MAS GRÉCIA É QUEM MARCA

Precisando vencer por três ou mais gols de diferença, após a derrota no jogo de ida, a Romênia iniciou a partida com amplo domínio. A equipe de Victor Piturca apostava nos cruzamentos de Torje pela direita, e as investidas de Rat e Stancu na esquerda, os romenos acuavam a Grécia. No entanto, sem a inspiração de Tanase e Marica na frente, a seleção recorria apenas a chutes de longa distância, sem sucesso.

Seguros na defesa, os gregos começaram a se lançar à frente. Holevas finalizou para Tatarusanu espalmar, aos oito. Mas uma "contribuição" da zaga romena fez a vaga continuar a ser desenhada. Aos 23, Mitroglou foi lançado na entrada da área e, graças ao atraso de Matel, recebeu a bola em condições. O camisa 9, completamente livre, avançou e finalizou na saída do goleiro: 1 a 0.

A equipe de Fernando Santos ainda tentou ampliar com Samaras e Karagounis, mas Tatarusanu salvou. A única chance clara da Romênia veio com Marica, mas a zaga rechaçou no último instante.

GOL CONTRA BIZARRO ANIMA, MAS EQUIPE NÃO AJUDA

Empurrada por sua torcida, a Romênia voltou do intervalo com a mesma disposição da primeira etapa. E não precisou fazer muita força para chegar ao empate. Após passe de Maxim, Holebas rechaçou e a bola explodiu em Torosidis até... parar na rede e decretar o empate da Romênia, aos dez minutos.

O lance fez os romenos debandarem de vez ao ataque. A equipe recorria a bolas alçadas por Maxim e Niculae, aproveitando o susto defensivo da defesa grega. Em alguns momentos, a estratégia parecia dar certo - Samaras rechaçou uma bola por cima do travessão. No entanto, a Romênia resumiu suas chances claras a uma cobrança de falta de Lavtolevic por cima do travessão e um chute rasteiro de Stancu.

Enquanto os gregos recorriam aos lances de contra-ataques, com Karagounis e Samaras, os romenos partiram de vez para o "abafa" - sempre em cruzamentos, com Marica e Hoban. Porém, jogar no erro do adversário foi muito pouco para uma equipe que precisava de uma larga vitória. Bem fechada, a Grécia apenas esperou o apito final para comemorar sua classificação.

FICHA TÉCNICA

ROMÊNIA 1X 1 GRÉCIA

Local: Arena Nacional, em Bucareste (ROM)
Data-Hora: 19/11/2013 - 17h (de Brasília)
Árbitro: Milorad Mažić (SER)
Auxiliares: Milovan Ristić (SER) e Dalibor Djurdjević (SER)
Cartões amarelos: Holebas e Tziolis 9GRE).
Cartões vermelhos: Não houve.

Gols: Mitroglou, 23/1T (0-1), Torosidis (contra), 10/2T (1-1)

ROMÊNIA: Tatarusanu, Matel, Goian e Chiriches; Rat (Lavtolevici, 26/1T), Hoban, Torje (Niculae, 11/2T), Stancu (Grozav, 41/2T), Maxim; Tanase e Marica – Técnico: Victor Piturca.

GRÉCIA: Karnezis, Torosidis (Yntra, 29/2T), Papastathopoulos, Siovas (Manolas, 35/2T), Holebas, Tziolis, Maniatis (Andreas Samaris, 29/2T), Karagounis, Salpingidis; Samaras e Mitroglou – Técnico: Fernando Santos.