icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
01/12/2013
19:35

O gol marcado por Hernane na derrota do Flamengo por 4 a 2 sobre o Vitória, neste domingo, no Barradão, garantiu a ele o status de artilheiro do Brasil, com 35 na temporada, deixando para trás com 34 gols, Magno Alves, do Ceará, e Bruno Rangel, da Chapecoense, ambos da Série B, que não jogam mais esse ano. O camisa 9 ainda tem pela frente o último duelo do ano, diante do Cruzeiro, para ampliar os números do ano.

Para chegar à marca pessoal, o Brocador foi artilheiro do Estadual, com 12 gol, da Copa do Brasil, com oito gols, e segue com 15 tentos no Brasileirão, três atrás do líder Éderson, do Atlético-PR.

- Artilharia do Brasileiro é difícil, mas não é impossível. É sempre importante ser o artilheiro das competições. Fui do Carioca, da Copa do Brasil - comentou o artilheiro.

Natural da Bahia, mais precisamente de Bom Jesus da Lapa, Hernane não vai aproveitar o folgão até terça-feira para rever os familiares.

- Não vou ficar na Bahia, a esposa ficou lá e por isso volto com o grupo para o Rio de Janeiro - disse.

O Rubro-Negro retorna ao Rio neste domingo, e a delegação só se reapresenta na próxima quarta-feira, no Ninho do Urubu. O último duelo da temporada é diante do Cruzeiro, sábado, no Maracanã, pela 38ª rodada do Campeonato Brasileiro.

E MAIS:
> Com presença de Marin, Vitória e Fla não tem protesto do Bom Senso F.C
> Jayme elogia postura dos jogadores mesmo com derrota