icons.title signature.placeholder Eduardo Mendes e Maurício Oliveira
04/06/2014
09:03

Um gol em cobrança de falta, uma assistência e jogadas de efeito na goleada por 4 a 0 sobre o Panamá. O repertório apresentado por Neymar no penúltimo teste do Brasil antes da estreia na Copa do Mundo já não é uma novidade para os companheiros. E apesar de o atacante ser o segundo mais novo do grupo, a condição de protagonista já está consolidada.

E vem do companheiro de ataque de Neymar, Fred, uma comparação inevitável e que coloca o jovem ao lado dos dois melhores do mundo.

- Nós temos uma responsabilidade de querer blindá-lo, pegar a bola e dar nele. Ele é o cara que vai decidir para nós. É um jogador muito acima da média. Assim como Argentina faz com Messi, Portugal faz com Cristiano Ronaldo, nós vamos fazer com Neymar - avisou.

No Serra Dourada, Neymar alcançou a marca de 31 gols pela Seleção, superando os 30 de Ronaldo. Assim, ele torna-se o goleador máximo do Brasil no século XXI.