icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
20/06/2014
17:55

Após mais uma grande zebra da Copa dar as caras no primeiro jogo do dia, em que a Costa Rica derrotou a Itália, a França entrou no campo da Fonte Nova, nesta sexta-feira, em Salvador, disposta a não dar chance para o azar. Um placar negativo contra o time Suíço, cabeça de chave do Grupo E, não seria necessariamente surpreendente. Porém, os Bleus confirmaram o favoritismo com uma goleada expressiva, 5 a 2.

O time francês começou dominando as ações da partida e não demorou muito para abrir o placar. Aos 16 minutos, a mão do técnico Deschamps apareceu: Giroud, que ganhou a titularidade nesta partida, completou cruzamento de cabeça e abriu o placar paras os azuis. Logo em seguida, aos 17 minutos, a Suíça errou na saída de bola e em rápido contra-ataque, o francês Matuidi ampliou.

Atrás no placar, o time de Ottmar Hitzfeld pertiu para cima e conseguiu boas chances, com Shaqiri e Xhaka, que marcou em impedimento. Aos 30 minutos, a França respondeu. Benzema fez jogada na linha de fundo e sofreu penalti de Djorou. O próprio atancante bateu, mas Benaglio defendeu. No rebote, Cabaye chutou no travessão. Aos 40, Giroud apareceu novamente, puxando contra ataque fulminante. Ele correu meio campo e cruzou para Valbuena ampliar.

E MAIS:
> Lance de gol não válido, semelhante ao de Benzema, já ocorreu em outra Copa
> Confira como foi a vitória da França minuto a minuto
> VÍDEO: Fuleco taradão não resiste ao charme das dançarinas colombianas

Na etapa final, goleada histórica

Os times voltaram para o segundo tempo sem a mesma intensidade. O suíços partiram para cima, mas esbarraram na defesa adversária, tendo as melhores chances em chutes de fora da área. Dessa forma, a França ainda assustava com contra-ataques perigosos. Aos 21 Pogba lançou bola para Benzema, na área, ampliar. Após o quarto gol, a Suíça perdeu a força em campo, tanto que seis minutos depois Sissoko marcou o quinto.

Mesmo com o jogo resolvido, os franceses continuaram indo para cima, dando mais trabalho à defesa suíça. Os descontos no placar vieram com Dzemaili: aos 35 minutos, cobrando falta por baixo da barreira, sem chances para Lloris, e aos 42, recebendo grande bola de Xhaka na área e finalizando com categoria.

Este foi o jogo com mais gols até aqui nesta Copa. A última vez que a Suíça havia sofrido mais de dois gols em uma partida de Copa do Mundo foi na edição de 1966, quando foi derrotada pela Alemanha Ocidental por 5 a 0.

Na última rodada do grupo, a França encara o Equador no Maracanã, e a Suíça vai a Manaus jogar contra Honduras. Os dois jogos ocorrem às 17h da próxima quarta.

SUÍÇA 2 X 5 FRANÇA

DATA-HORA: 20/6/2014 - 16h
ÁRBITRO: Björn Kuipers (HOL)
AUXILIARES: Sander van Roekel e Erwin Zeinstra (HOL)
ESTÁDIO: Arena Fonte Nova, em Salvador (BA)

GOLS: Giroud (França - 16'/1ºT), Matuidi (França - 17'/1ºT), Valbuena (França - 40'/1ºt), Benzema (França - 21'/2ºT), Sissoko (27'/2ºT), Dzemaili (Suíça - 35'/2ºT) e Dzemaili (Suíça - 32'/2ºT)
CARTÕES AMARELOS: Cabaye (França)
CARTÕES VERMELHOS: Não houve
PÚBLICO: 51.003 presentes
SUÍÇA: Benaglio; Lichtsteiner, Djourou, Von Bergen (por Senderos 08'/1ºT) e Rodríguez; Behrami (por Dzemaili, no Intervalo), Inler, Shaqiri, Xhaka e Mehmedi; Seferovic (por Drmic 23'/2ºT). Técnico: Ottmar Hitzfeld.

FRANÇA: Lloris; Debuchy, Varane, Sakho (por Koscielny 20'/2ºT), Evra; Cabaye, Matuidi, Sissoko e Valbuena (por Griezzman 37'/'2ºT); Giroud (por Pogba 20'/2ºT) e Benzema. Técnico: Didier Deschamps.