icons.title signature.placeholder Alexandre Araújo
icons.title signature.placeholder Alexandre Araújo
09/07/2013
13:19

Se o torcedor carioca está carente de ver o Flamengo na cidade do Rio de Janeiro, é melhor se acostumar ainda mais. Em reunião realizada na manhã desta terça-feira, a diretoria do Rubro-Negro e o Governo do Distrito Federal fecharam um acordo para que o time de Mano Menezes jogue as próximas seis partidas pelo Brasileirão - em que for mandante - na capital, assim como o LANCE!Net antecipou no último dia 4. Também participaram do anúncio o secretário-chefe da Casa Civil, Swedenberger Barbosa, e o diretor executivo de Marketing do Flamengo, Frederico Luz.

O acerto, inclusive, tem uma brecha para que este limite seja aumentado para oito jogos. O próximo compromisso pelo Campeonato Brasileiro, que será contra o Vasco, neste domingo, também será em Brasília. Apesar de o mando de campo ser do arquirrival, o duelo contará para o acordo feito entre Flamengo e o governo do Distrito Federal, já que a renda do confronto será dividida entre os clubes.

- A programação pode mudar e, inclusive, ser ampliada -disse Eduardo Bandeira, que ainda fez questão de agradecer a recepção na cidade, além de afirmar que Brasília será a segunda casa do Flamengo:

- Temos que agradecer ao público brasiliense e ao Governo do Distrito Federal pela recepção espetacular. Nos sentimos muito felizes e acolhidos na cidade. Todo mundo sabe que Brasília é a segunda casa do Flamengo, pois conta com a maior torcida no DF. Gostaria de dizer que o Flamengo está vindo para ficar .

Para o governador Agnelo Queiroz, do DF, as partidas do Rubro-Negro em Brasília serão importantes não só para o clube como também para a cidade, já que influenciarão diretamente na economia local.

- Cada evento como este ajuda na economia de Brasília e permite que a população tenha acesso a clássicos nacionais para a nossa população, demonstrando o potencial da nossa arena multiuso. Queremos uma agenda cada vez mais variada no estádio”, destacou o governador.

Nos dois jogos em que foi mandante neste início de Brasileiro, o Rubro-Negro mandou seus jogos em Juiz de Fora e Florianópolis. A última partida do Flamengo na cidade do Rio de Janeiro, foi no confronto contra o Duque de Caxias, no dia 6 de abril, pela Taça Rio, em Moça Bonita.

O jogo contra o ASA (AL), pela volta da terceira fase da Copa do Brasil, estava marcado para o Mané Garrincha. Mas, na noite desta segunda-feira, ficou definido que a partida será disputada em Volta Redonda, no Raulino de Oliveira.

Nesta temporada o Rubro-Negro já enfrentou o Santos, na partida de estreia no Brasileiro, porém, como visitante. Como mandante, o primeiro desafio foi diante do Coritiba, no último sábado, no empate em 2 a 2.

Veja abaixo as partidas que o Flamengo fará no Mané Garrincha:

- Flamengo x Botafogo -  Dia 28/07
- Flamengo x Atlético-MG - Dia 04/08
- Flamengo x Portuguesa - Dia 07/08
- Flamengo x São Paulo - Dia 18/08
- Flamengo x Grêmio - Dia 25/08
- Flamengo x Vitória - Dia 04/09
- Flamengo x Vasco - Dia 06/10

Se o torcedor carioca está carente de ver o Flamengo na cidade do Rio de Janeiro, é melhor se acostumar ainda mais. Em reunião realizada na manhã desta terça-feira, a diretoria do Rubro-Negro e o Governo do Distrito Federal fecharam um acordo para que o time de Mano Menezes jogue as próximas seis partidas pelo Brasileirão - em que for mandante - na capital, assim como o LANCE!Net antecipou no último dia 4. Também participaram do anúncio o secretário-chefe da Casa Civil, Swedenberger Barbosa, e o diretor executivo de Marketing do Flamengo, Frederico Luz.

O acerto, inclusive, tem uma brecha para que este limite seja aumentado para oito jogos. O próximo compromisso pelo Campeonato Brasileiro, que será contra o Vasco, neste domingo, também será em Brasília. Apesar de o mando de campo ser do arquirrival, o duelo contará para o acordo feito entre Flamengo e o governo do Distrito Federal, já que a renda do confronto será dividida entre os clubes.

- A programação pode mudar e, inclusive, ser ampliada -disse Eduardo Bandeira, que ainda fez questão de agradecer a recepção na cidade, além de afirmar que Brasília será a segunda casa do Flamengo:

- Temos que agradecer ao público brasiliense e ao Governo do Distrito Federal pela recepção espetacular. Nos sentimos muito felizes e acolhidos na cidade. Todo mundo sabe que Brasília é a segunda casa do Flamengo, pois conta com a maior torcida no DF. Gostaria de dizer que o Flamengo está vindo para ficar .

Para o governador Agnelo Queiroz, do DF, as partidas do Rubro-Negro em Brasília serão importantes não só para o clube como também para a cidade, já que influenciarão diretamente na economia local.

- Cada evento como este ajuda na economia de Brasília e permite que a população tenha acesso a clássicos nacionais para a nossa população, demonstrando o potencial da nossa arena multiuso. Queremos uma agenda cada vez mais variada no estádio”, destacou o governador.

Nos dois jogos em que foi mandante neste início de Brasileiro, o Rubro-Negro mandou seus jogos em Juiz de Fora e Florianópolis. A última partida do Flamengo na cidade do Rio de Janeiro, foi no confronto contra o Duque de Caxias, no dia 6 de abril, pela Taça Rio, em Moça Bonita.

O jogo contra o ASA (AL), pela volta da terceira fase da Copa do Brasil, estava marcado para o Mané Garrincha. Mas, na noite desta segunda-feira, ficou definido que a partida será disputada em Volta Redonda, no Raulino de Oliveira.

Nesta temporada o Rubro-Negro já enfrentou o Santos, na partida de estreia no Brasileiro, porém, como visitante. Como mandante, o primeiro desafio foi diante do Coritiba, no último sábado, no empate em 2 a 2.

Veja abaixo as partidas que o Flamengo fará no Mané Garrincha:

- Flamengo x Botafogo -  Dia 28/07
- Flamengo x Atlético-MG - Dia 04/08
- Flamengo x Portuguesa - Dia 07/08
- Flamengo x São Paulo - Dia 18/08
- Flamengo x Grêmio - Dia 25/08
- Flamengo x Vitória - Dia 04/09
- Flamengo x Vasco - Dia 06/10