icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
30/07/2014
20:36

Apertado financeiramente, o Flamengo irá cobrar uma taxa extra de R$ 35,90 para alguns sócios para resolver problemas com a Cedae e com a Prefeitura do Rio de Janeiro. Nesta quarta-feira, inclusive, o clube enviou uma carta informando que tomará tal medida e explicando a situação, comentando as dívidas em contas de água e IPTU.

Conforme observado no documento abaixo, a dívida com Prefeitura do Rio de Janeiro, que é referente ao IPTU de 1987 a 2012, é de R$ 531.090,00. Enquanto isso, o débito com a Cedade, gerado entre 2002 e 2012, é de R$ 1.863.558,00. Desta maneira, a dívida do clube com esses dois órgãos soma R$ 1.864.089,00.

No comunicado, o Conselho Diretor afirma que apenas sócios das categorias proprietário, patrimonial, contribuinte individual, contribuinte aluno e contribuinte familiar arcarão com a despesa. Com isso, apenas 5.325 sócios foram escolhidos para ajudar.