icons.title signature.placeholder Daniel Guimarães
21/12/2013
21:11

Após empréstimo para a Ponte Preta, o volante Fellipe Bastos deve voltar ao Vasco e se apresentar no próximo dia 6 de janeiro, quando começa a pré-temporada do clube. O jogador foi emprestado para a equipe paulista em setembro, depois perder espaço no elenco vascaíno e ser pouco utilizado pelo então técnico Dorival Júnior. E o volante admitiu ter ficado chateado com a forma como saiu do clube.

- Fiquei (chateado), algumas coisas aconteceram no Vasco e o jogador tem que ter respeito de todos. Acho que faltaram com um pouco de respeito comigo, mas isso são coisas que aconteceram, mas minha ida para a Ponte foi muito boa, joguei com regularidade, desempenhei um bom futebol, não conseguimos livrar a Ponte da queda, mas agora é voltar para o Vasco sem mágoa de ninguém, isso não acontece comigo, então é voltar para o Vasco com a cabeça tranquila e faz um ano de 2014 totalmente diferente do início de 2013 que eu tive no Vasco e tentar dar alegrias a esse torcedor que está tanto machucado - disse o jogador

Ainda assim, Bastos tem muita expectativa pela sua volta ao Vasco, e quer ajudar o time a voltar para a elite do futebol brasileiro:

- A expectativa é como se eu chegasse a primeira vez no Vasco, como em 2010. Todos sabem que o Vasco é muito grande e merece estar disputando a Série A, a elite, a gente sabe que em 2013 aconteceram muitas coisas que fizeram que o Vasco caísse, desde o início do ano, não foi só no último jogo que o Vasco caiu, então o Vasco tem que aprender com os erros do ano de 2013 para em 2014 voltar com tudo para a primeira divisão, que é de onde o clube não merecia ter saído, caiu por demérito, mas agora tem que voltar com méritos e fazer um ano muito bom.

Conhecido pelas danças na hora de comemorar os seus gols, Fellipe Bastos participou, no último sábado, do jogo beneficente entre os amigos do zagueiro Dedé e do apoiado Diego Souza. Dedé até comemorou um gol dançando, mas Bastos falou que, agora, seu foco é outro e que não tem nada ensaiado para o retorno ao Vasco:

- Não (risos). Falei até com o Dedé, agora sou um cara sério, não danço mais... É brincadeira, mas não vou planejar nada de dança e esse tipo de coisa, agora tenho que focar no meu trabalho, acho que melhorei bastante na Ponte Preta e tenho que trazer isso para o Vasco.