icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
24/04/2014
15:50

Há pouco mais de duas semanas, o Santos lançou o projeto "Ídolos Eternos", que levará antigos jogadores do clube a eventos, festas e ações promocionais, com o objetivo de valorizar e explorar a imagem dos ex-atletas. Nesta quarta-feira, cinco deles estiveram na inauguração da loja Santos na Área, primeira franquia oficial do Peixe na capital paulista: Dorval, Mengálvio, Coutinho e Pepe representaram o time multicampeão dos anos 60 e até Serginho Chulapa apareceu para completar a festa.

- Foi uma medida muito bem elaborada pela nossa diretoria, e nós vemos com muita alegria o convívio com os companheiros. Essas homenagens têm que ser feitas mesmo em vida, porque estamos aproveitando bem, nos distraindo, conversando, colocando o papo em dia e torcendo pelo nosso Peixe - afirmou Pepe, que conversou com o LANCE!Net entre um autógrafo e outro.

Questionado sobre o elenco atual, derrotado nas finais do Campeonato Paulista, o "Canhão da Vila" preferiu valorizar a evolução vivida pelo time do técnico Oswaldo de Oliveira e disse que mais dois ou três bons reforços podem fazer com que o Peixe brigue pelo título do Brasileirão. No momento de enumerar quem do time atual tem o maior potencial para se tornar um "ídolo eterno", Pepe foi firme na resposta, e também já deixou sua dica para o futuro.

- O grande nome do Santos no momento é o Arouca, um médio-volante de qualidade e que está em um processo grande de evolução. Com relação à oportunidade dos jovens, confio muito no Stéfano Yuri, centroavante alto e de qualidade, também pode se tornar um grande ídolo da história do Santos, que joga sempre um futebol alegre e ofensivo - explicou o ex-ponta-esquerda.