icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
08/04/2014
07:15

Uma nova caminhada foi iniciada pelo técnico Cristovão Borges. Agora à frente do elenco do Fluminense, o treinador terá de mostrar qualidades para elevar o moral do grupo e mudar um panorama que, pelo menos, nos primeiros meses deste ano, com Renato Gaúcho, não era dos mais animadores. É a hora da virada.

 E a primeira mudança do treinador já começou nos treinamentos. Com ele, o Fluminense poderá voltar a ser uma equipe mais ofensiva. Diferentemente do antecessor, o treinador escalou em duas atividades táticas seguidas um time com dois volantes e dois meias de armação. Assim, Wágner volta a ter oportunidade no time titular ao lado de Conca na armação das jogadas. Sobrou para Valencia, que vai para o banco, deixando Diguinho e Jean formando a dupla de volantes.

E MAIS
- Conversas para ter Rafael Sobis são retomadas no Corinthians

L!TV:
- Cavalieri pede time ofensivo e organizado contra o Horizonte
- Conca dá as boas vindas a Cristovão Borges
- Esquentou: Vaivém agita mercado do futebol brasileiro

Outra novidade é a saída de Walter do time titular para a entrada de Rafael Sobis no ataque. Além das mudanças táticas, o perfil de Cristovão se mostra bem distinto do de Renato. Mais tranquilo, o treinador tem conversado muito com os jogadores nesses primeiros dias de trabalho. Assim, com seu jeito, pode conquistar o grupo, que não andava muito satisfeito com a forma de trabalhar do antigo treinador.

Um dos principais jogadores da equipe, o argentino Conca deu a impressão do contato dos jogadores com o novo comandante.

 – Cristovão fez o que todo o treinador novo faz ao chegar ao clube. Dá indicações, algo normal. Troca alguns jogadores. Com ele não é diferente. Ele fez isso para ajudar. Recebemos o Cristovão de braços abertos para fazer um grande trabalho – comentou o ídolo da torcida tricolor.

CONVERSA COM GAROTOS DA BASE

Nos primeiros dias de Fluminense, Cristovão Borges já mostrou que está disposto a utilizar os garotos revelados nas categorias de base. Tanto que o treinador teve uma conversa com os meninos nos últimos dias e deixou claro que pretende contar com eles no elenco principal. A reportagem do LANCE!Net apurou, inclusive, que alguns empresários desses jovens estavam insatisfeitos com a forma como o ex-treinador Renato Gaúcho vinha trabalhando com as promessas formadas em Xerém.

LEANDRO EUZÉBIO PODE GANHAR SOBREVIDA

Afastado dos treinamentos com o técnico Renato Gaúcho, Leandro Euzébio voltou a trabalhar com todo o grupo e pode ganhar novas oportunidades com Cristovão Borges. Anteriormente, o zagueiro chegou a estar em vias de ser negociado com o Vitória, que fez uma proposta oficial à diretoria tricolor. As negociações não avançaram e os dirigentes cariocas ficaram aguardando por novas propostas que não chegaram ao clube e nem ao agente.

O próprio Anselmo Paiva, que cuida da carreira de Leandro Euzébio, afirmou recentemente que o zagueiro agora fica em compasso de espera e a manutenção do jogador nas Laranjeiras não é descartada.