icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
22/07/2013
14:14

O treinador argentino Gerardo Martino, que levou o Newell's Old Boys à semifinal da Libertadores, foi o eleito da diretoria do Barcelona para substituir Tito Vilanova no comando técnico do atual campeão espanhol. O anúncio oficial ainda não foi feito, mas segundo a imprensa espanhola deve acontecer nas próximas horas.

Segundo o "Mundo Deportivo", Martino chega a Barcelona nesta terça-feira, mas não fará parte dos preparativos da equipe para o amistoso dessa quarta-feira contra o Bayern de Munique, em Munique. A equipe será comandada por Rubi Ferrer, ex-auxiliar de Vilanova, que se afastou para tratar da remissão de seu câncer na glândula parótida.

Desde o começo do dia, os principais jornais espanhóis já davam conta de que o acerto com Martino era iminente. Ele deve assinar um contrato de três temporadas de acordo com o catalão "Sport". Além de 'Tata', Luis Enrique, atualmente no Celta, era o nome mais forte para substituir Tito. Guus Hiddink, que anunciou sua demissão do Anzhi, também chegou a ser especulado por algumas horas. A ligação de Martino com Messi também fez diferença na hora da escolha. Os dois compartilham a paixão pelo Newell's Old Boys.

Gerardo 'Tata' Martino é argentino, tem 60 anos e é ex-jogador, tendo passado a maior parte de sua carreira no Newell's Old Boys. Antes de assumir seu clube de coração, levou a seleção do Paraguai ao vice-campeonato da última Copa América, além de liderar os guaranis na Copa do Mundo de 2010. Pelos "Leprosos", Tata foi campeão do Torneio Final da Argentina e chegou à semifinal da Libertadores, sendo eliminado apenas pelo Atlético-MG.


O treinador argentino Gerardo Martino, que levou o Newell's Old Boys à semifinal da Libertadores, foi o eleito da diretoria do Barcelona para substituir Tito Vilanova no comando técnico do atual campeão espanhol. O anúncio oficial ainda não foi feito, mas segundo a imprensa espanhola deve acontecer nas próximas horas.

Segundo o "Mundo Deportivo", Martino chega a Barcelona nesta terça-feira, mas não fará parte dos preparativos da equipe para o amistoso dessa quarta-feira contra o Bayern de Munique, em Munique. A equipe será comandada por Rubi Ferrer, ex-auxiliar de Vilanova, que se afastou para tratar da remissão de seu câncer na glândula parótida.

Desde o começo do dia, os principais jornais espanhóis já davam conta de que o acerto com Martino era iminente. Ele deve assinar um contrato de três temporadas de acordo com o catalão "Sport". Além de 'Tata', Luis Enrique, atualmente no Celta, era o nome mais forte para substituir Tito. Guus Hiddink, que anunciou sua demissão do Anzhi, também chegou a ser especulado por algumas horas. A ligação de Martino com Messi também fez diferença na hora da escolha. Os dois compartilham a paixão pelo Newell's Old Boys.

Gerardo 'Tata' Martino é argentino, tem 60 anos e é ex-jogador, tendo passado a maior parte de sua carreira no Newell's Old Boys. Antes de assumir seu clube de coração, levou a seleção do Paraguai ao vice-campeonato da última Copa América, além de liderar os guaranis na Copa do Mundo de 2010. Pelos "Leprosos", Tata foi campeão do Torneio Final da Argentina e chegou à semifinal da Libertadores, sendo eliminado apenas pelo Atlético-MG.