icons.title signature.placeholder Gabriel Cassar
21/02/2015
18:09

A italiana Sara Errani mostra, a cada rodada do Aberto do Rio, o porquê de ser a cabeça de chave número 1 da competição. Crescendo seu jogo a cada partida, a finalista de Roland Garros passou, sem grandes dificuldades, pela sueca Johanna Larsson, vencendo por 2 sets a 0 (7-5 e 6-3) e egarantiu sua vaga na grande decisão do torneio de simples feminino.

No primeiro set, como os fãs se habituaram a ver neste Aberto do Rio, Errani não conseguia encaixar bem o seu saque, colocando bolas em velocidades muito baixas na quadra. Um pouco abaixo de outras partidas, Larsson até conseguiu quebrar o serviço da italiana, mas não foi capaz de manter a intensidade. Em um set marcado pelo equilíbrio, valeu a experiência da número 16 do mundo, que fechou a parcial em 7/5.

A sueca voltou melhor pro segundo set, novamente se aproveitando do serviço ruim da adversária para quebrá-la e abrir 3 a 0. Errani, no entanto, não deixou se abater e elevou bastante o nível de seu tênis, confirmando e quebrando a sueca em sequência. Com direito a muitas jogadas de efeito, deixadinhas e um forehand muito potente, Errani emendou 6 games seguidos sem perder e fechou o set por 6-3.

- Tentei jogar meu melhor, mesmo com as condições difíceis que, diga-se, estavam melhores que as de ontem. Larsson tem golpes muito potentes, então tentei encontrar formas de pará-la e consegui -, afirmou a italiana, que vai em busca do oitavo título na carreira.

Na decisão, Errani encara a eslovaca Anna Schmiedlova, neste domingo.