icons.title signature.placeholder Eduardo Moura
09/06/2014
20:35

O Equador está em solo gaúcho. A delegação chegou em Porto Alegre por volta das 19h45, mas só deixou o Aeroporto Internacional Salgado Filho, escolotado pela Polícia Federal e pela Brigada Militar, às 20h11. Com três horas de atraso, já que o horário previsto para chegada era às 17h.

O atraso aconteceu por dois motivos. Primeiro, o voo saiu depois do horário marcado de Quito - era para sair às 9h, horário local, 11h no horário de Brasília. E na parada para reabastecimento, na Bolívia, o avião também não conseguiu cumprir o cronograma. Por isso, as três horas de diferença pelo que foi informado pela Infraero no início da tarde e o horário real de chegada.

Perto do horário previsto, às 17h, quatro torcedores chegaram ao aeroporto para recepcionar "La Tri", como é chamada a seleção. Levavam bumbos e cantavam músicas para o Equador. No entanto, por conta do atraso, acabaram deixando o aeroporto sem ver o ônibus do Equador sair rumo à sua sede.

Após desembarcar na pista do terminal antigo do Salgado Filho, os equatorianos não tiveram contanto com a imprensa e os torcedores que os esperavam. Entraram diretamente da pista para o ônibus oficial da seleção e rumaram para Viamão, local onde ficará concentrada no Rio Grande do Sul.

Além dos 23 jogadores, há mais a presença de dirigentes e familiares que vieram junto com a delegação. Havia veículos no terminal 1 do Salgado Filho esperando especialmente para que estas pessoas fossem transportadas para seus hoteis.

A festa armada no centro de Viamão, região metropolitana de Porto Alegre, não deve ter a presença dos atletas, por conta do atraso.


CONFIRA O APOIO DOS EQUATORIANOS

Torcedores recepcionam Seleção do Equador no... por LANCETV

Delegação do Equador embarca no ônibus depois de passar pela imigração (Foto: Eduardo Moura)