icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
29/03/2014
08:35

Desafetos declarados, José Mourinho e Arséne Wenger voltaram a travar novo duelo nos bastidores. O técnico do Chelsea respondeu às declarações do técnico do Arsenal, que afirmou considerar um título o fato de o time londrino conseguir a classificação para a Liga dos Campeões por 15 temporadas consecutivas. O português não perdeu a oportunidade de 'alfinetar' o rival.

- Nós não queremos um troféu se terminarmos em segundo, terceiro ou quarto. Ao contrário de outros. Não queremos isso. Quero que meus jogadores sintam que são os únicos campeões e que, se forem segundos, não são campeões - afirmou Mourinho ao 'The Sun'.

O português também falou sobre sua evolução como treinador, considerando que, após dez anos, aprendeu a perder.

- Mudei para melhor. Há dez anos, não sabia perder, agora sei. E espero que a minha equipe também saiba perder. Talvez porque o adversário foi melhor, porque meu goleiro falhou ou porque o árbitro cometeu um erro. Tudo isso faz parte do jogo e eu sei perder assim - completou.