icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
16/03/2014
19:01

A decisão está praticamente tomada na cabeça de Enderson Moreira. Mas o treinador não quis adiantar quem será o substituto do meia Zé Roberto, com lesão no tornozelo esquerdo. As opções Alán Ruiz e Dudu entraram em campo neste domingo, sem destaque na vitória por 3 a 0 sobre o Pelotas. Mas o comandante garante que a observação não seria restrita ao jogo da rodada final da fase de grupos do Gauchão.

Ruiz e Dudu reúnem características bastente distintas. O primeiro é um meia mais clássico. Técnico, tem chute potente de média distância e é um meia articulador. E tem conhecimento amplo do ambiente do estádio na Argentina. Já o jovem de 22 anos, indicação de Enderson, tem a velocidade como maior virtude. Joga aberto. Tem presença ofensiva e finalização.

- Vou continuar avaliando para a gente tomar a decisão. Está bem encaminhada na minha cabeça, mas preciso ainda verificar ainda algum material que tenho em mãos para que a gente posso definir - revelou o treinador.

O comandante gremista não quis adiantar o nome escolhido. Mantém um pequeno mistério, até porque o jogador não poderá ser utilizado no treinamento da manhã desta segunda-feira. E na terça, o trabalho já será em solo argentino.

- Não vou escalar o jogador hoje. Não tenho essa conduta. Talvez na terça a gente tenha uma definição. Até porque o atleta estava presente no jogo e dificilmente tem condições de treinar amanhã - relatou Enderson.

O Grêmio começa a viagem para Rosário na noite desta segunda-feira. Dormirá em São Paulo, de onde sai na manhã de terça para a cidade argentina, onde treinará no Estádio Marcelo Bielsa, também conhecido como Colosso do Parque. O duelo com o Newell's Old Boys rola na quarta-feira.