icons.title signature.placeholder Caio Carrieri, Eduardo Mendes, Maurício Oliveira e Thiago Salata
16/06/2014
18:04

Foram 37 gols nos 11 jogos disputados nos primeiros quatro dias de Mundial no Brasil. A média alta de 3,36 tentos por partida pode até assustar aos zagueiros, mas empolga torcedores e até mesmo os próprios jogadores.

O capitão do Brasil, o zagueiro Thiago Silva, mostrou grande entusiasmo com a competição, contando parte da conversa que teve com um amigo, durante entrevista concedida nesta segunda-feira, na Arena Castelão.

- Esta é a Copa das Copas para quem gosta de muitos gols. Isso tem sido mostrado por meio dos números. Não é legal para os zagueiros, mas está bem legal - comentou o jogador.


Pontaria afiada dos sistema ofensivos que pede atenção dos zagueiros. Mesmo tendo uma zaga que costuma levar poucos gols, o Brasil, por meio de Thiago Silva, pede postura mais firme de todos os integrantes do setor defensivo.

- Quando se tem uma defesa sólida, compacta, dificulta muito para o adversário. Temos trabalhado bem a parte tática ali atrás para neutralizar o ataque dos rivais. Sabemos que tem jogadores muito capacitados à frente - comentou Thiago Silva.