icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
29/03/2014
16:52

Força máxima é o que quer o técnico Eduardo Baptista para o clássico entre Sport e Náutico neste domingo. Chegou-se a cogitar a possibilidade de poupar alguns atletas, mas o treinador confirmou que o Leão vai com o que tem de melhor para buscar a liderança do hexagonal final do Pernambucano.

- Vou com força máxima. Quero a liderança da competição e vou com aquilo que acreditamos ser a força máxima - decretou o comandante.

Na manhã desta sábado, no último treino da equipe antes da partida, o meia Ailton e o lateral-esquerdo Renê voltaram a participar da movimentação com o resto do grupo. A dupla tinha sido poupada na sexta-feira, o meio-campo por conta de uma gripe e o lateral por cansaço muscular.

Baptista testou algumas formações diferentes para o confronto, o volante Rithely treinou algumas vezes entre os titulares e deve ir à campo na equipe principal.

- Rithely vem muito bem e tenho que tentar encaixar os atletas que vêm bem no time. Tenho que aproveitá-los - comentou o técnico.

Ananias é o único desfalque do Rubro-Negro. O atacante se recuperou de lesão muscular na coxa esquerda, mas contraiu conjutivite e só deve voltar ao time na final da Copa do Nordeste, contra o Ceará, na próxima quarta-feira.