icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
29/11/2014
08:10

Bruno César chegou ao Palmeiras no início do ano como a principal contratação do centenário, mas tornou-se uma enorme decepção. Teve dificuldade para entrar em forma, jogou poucas vezes, e perdeu espaço com Dorival Júnior. Neste sábado, porém, o jogador pode receber uma nova chance contra o Internacional, depois de "desabafar" com o treinador.

- Aconteceram problemas da parte pessoal, ele me narrou ontem (quinta), colocou vários aspectos, tive esta preocupação, mas ele teve muitos problemas ao longo do ano, que interferem no rendimento de um profissional, e naturalmente nos desequilibra em alguns momentos. Temos de respeitar, mas é um jogador que já falei algumas vezes, confio muito, já até indiquei para outros clubes - revelou o treinador.

Dos 62 jogos do Verdão em 2014, Bruno César atuou em apenas 19 deles, sendo oito no Paulista, cinco na Copa do Brasil, torneio no qual marcou seus dois únicos gols no ano, e seis no Brasileiro. O último, no dia 2 de outubro, contra a Chapecoense. Embora não tenha mostrado um grande futebol no Verdão, o técnico não deixa de elogiar a técnica do camisa 30, que tem contrato até o fim do ano e não ficará.

- Ele tem qualidades superiores a uma média de jogadores que estão em atividade no Brasil, e não podemos perder um talento. Quando ele se encontrar, e buscar um pouco mais, querer um pouco mais, fatalmente dará muitas alegrias a qualquer time que seja. Nem sempre o ser humano está totalmente em condições de exercer o seu melhor. Mas ele voltou a trabalhar forte, está merecendo, e se por acaso entrar tem minha confiança - encerrou o comandante.