icons.title signature.placeholder Felipe Bolguese e Rodrigo Vessoni
icons.title signature.placeholder Felipe Bolguese e Rodrigo Vessoni
12/07/2013
16:21

Depois de desistir do negócio com o empresário Renato Duprat, que intermediou a parceria com o MSI, o Corinthians já encontrou o investidor parceiro na contratação do zagueiro Cleber, da Ponte Preta: a DIS, braço esportivo do Grupo Sonda.

A expectativa é que o acordo seja selado ainda na tarde desta sexta-feira. A DIS está em tratativas com a Ponte e o Timão e quer agilizar a transferência do jogador o quanto antes. Cleber pretende treinar no CT Joaquim Grava já no início da próxima semana.

A compra de parte dos direitos da Ponte deve ser feita também, além da DIS, em parceria com o empresário Fernando Garcia, irmão de Paulo Garcia, conselheiro de oposição da gestão Mário Gobbi no Corinthians. Os valores, não divulgados, são na casa dos R$ 8 milhões.

A DIS conseguirá colocar um zagueiro no Timão, como pretendia desde o início do ano. A empresa foi quem realizou duas propostas ao Vasco para tirar Dedé de São Januário e colocá-lo no clube paulista. No entanto, o Cruz-Maltino optou pela oferta do Cruzeiro.


Depois de desistir do negócio com o empresário Renato Duprat, que intermediou a parceria com o MSI, o Corinthians já encontrou o investidor parceiro na contratação do zagueiro Cleber, da Ponte Preta: a DIS, braço esportivo do Grupo Sonda.

A expectativa é que o acordo seja selado ainda na tarde desta sexta-feira. A DIS está em tratativas com a Ponte e o Timão e quer agilizar a transferência do jogador o quanto antes. Cleber pretende treinar no CT Joaquim Grava já no início da próxima semana.

A compra de parte dos direitos da Ponte deve ser feita também, além da DIS, em parceria com o empresário Fernando Garcia, irmão de Paulo Garcia, conselheiro de oposição da gestão Mário Gobbi no Corinthians. Os valores, não divulgados, são na casa dos R$ 8 milhões.

A DIS conseguirá colocar um zagueiro no Timão, como pretendia desde o início do ano. A empresa foi quem realizou duas propostas ao Vasco para tirar Dedé de São Januário e colocá-lo no clube paulista. No entanto, o Cruz-Maltino optou pela oferta do Cruzeiro.