icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
01/07/2013
16:09

Contratado no início do ano para a função de diretor-geral do Flamengo, Marcelo Corrêa desligou-se do clube nesta segunda-feira, para dar início ao um fundo de investimento em infra-estrutura, que será gerido pela Latitude Gestão Financeira, da qual será um dos sócios. O cargo de CEO, ou diretoria-geral é remunerado e foi criado pela atual diretoria.

De acordo com a nota oficial emitida no site do Rubro-Negro, Marcelo foi um dos responsáveis pela reestruturação e reorganização do Flamengo no primeiro semestre deste ano. Antes de chegar ao clube da Gávea, Marcelo foi ex-presidente da Neoenergia.

* Após seis meses participando da reestruturação do passivo do Clube de Regatas do Flamengo, além da reorganização dos procedimentos administrativos e da melhora geral da sede do clube, Marcelo Corrêa se desliga para dar início a um fundo de investimento em infraestrutura, a ser administrado pela Latitude Gestão Financeira, da qual participará como sócio. O CRF agradece o trabalho realizado pelo profissional e que foi fundamental para as conquistas alcançadas pela nova gestão nos primeiros 180 dias.

Contratado no início do ano para a função de diretor-geral do Flamengo, Marcelo Corrêa desligou-se do clube nesta segunda-feira, para dar início ao um fundo de investimento em infra-estrutura, que será gerido pela Latitude Gestão Financeira, da qual será um dos sócios. O cargo de CEO, ou diretoria-geral é remunerado e foi criado pela atual diretoria.

De acordo com a nota oficial emitida no site do Rubro-Negro, Marcelo foi um dos responsáveis pela reestruturação e reorganização do Flamengo no primeiro semestre deste ano. Antes de chegar ao clube da Gávea, Marcelo foi ex-presidente da Neoenergia.

* Após seis meses participando da reestruturação do passivo do Clube de Regatas do Flamengo, além da reorganização dos procedimentos administrativos e da melhora geral da sede do clube, Marcelo Corrêa se desliga para dar início a um fundo de investimento em infraestrutura, a ser administrado pela Latitude Gestão Financeira, da qual participará como sócio. O CRF agradece o trabalho realizado pelo profissional e que foi fundamental para as conquistas alcançadas pela nova gestão nos primeiros 180 dias.