icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
15/07/2013
13:06

O presidente do Vasco, Roberto Dinamite, ao desembarcar no Rio de Janeiro na tarde desta segunda-feira, após a derrota contra o Flamengo, em Brasília, reforçou que a entrada dos patrocinadores terá como consequência a chegada de reforços em São Januário. Contudo, o mandatário explicou que a prioridade é reestruturar o clube financeiramente.

- Vocês falam e às vezes falam muito. É um direito do repórter. Vamos tentar regularizar a situação do clube para equilibrar as coisas e assim trazer jogadores para reforçar o elenco - contou.

A Caixa, que será o patrocinador master do Gigante da Colina nesta temporada (investindo R$ 20 milhões por ano), já teve sua marca estampada no uniforme vascaíno no último domingo. Dinamite festejou o acontecido.

- Para o Vasco, é muito bom! Abre novas portas para cumprir as obrigações que temos que cumprir. Estamos trabalhando para melhorar as coisas - afirmou.

A diretoria do Vasco corre para acertar também com a Nissan. Somando os dois patrocinadores, quase R$ 30 milhões abastecerão os cofres de São Januário por ano.

O presidente do Vasco, Roberto Dinamite, ao desembarcar no Rio de Janeiro na tarde desta segunda-feira, após a derrota contra o Flamengo, em Brasília, reforçou que a entrada dos patrocinadores terá como consequência a chegada de reforços em São Januário. Contudo, o mandatário explicou que a prioridade é reestruturar o clube financeiramente.

- Vocês falam e às vezes falam muito. É um direito do repórter. Vamos tentar regularizar a situação do clube para equilibrar as coisas e assim trazer jogadores para reforçar o elenco - contou.

A Caixa, que será o patrocinador master do Gigante da Colina nesta temporada (investindo R$ 20 milhões por ano), já teve sua marca estampada no uniforme vascaíno no último domingo. Dinamite festejou o acontecido.

- Para o Vasco, é muito bom! Abre novas portas para cumprir as obrigações que temos que cumprir. Estamos trabalhando para melhorar as coisas - afirmou.

A diretoria do Vasco corre para acertar também com a Nissan. Somando os dois patrocinadores, quase R$ 30 milhões abastecerão os cofres de São Januário por ano.