icons.title signature.placeholder Alexandre Braz
09/04/2014
08:40



Com atuações destacadas na Copa Libertadores, Botafogo precisa que Jefferson brilhe mais do que nunca hoje à noite, em Buenos Aires

Se o Botafogo segue com chances de se classificar para as oitavas de final da Copa Libertadores, deve muito às ótimas atuações do goleiro Jefferson. O capitão alvinegro vive excelente fase e realizou algumas defesas espetaculares na competição.

Tantas boas apresentações fizeram com que a torcida do Glorioso criasse uma música pedindo a titularidade do arqueiro na Seleção Brasileira – posto ocupado por Julio Cesar, do Toronto FC.

– Ei, Julio Cesar, para de frangar. Jefferson é titular! – bradam os alvinegros a cada defesa do camisa 1 nas partidas no Maracanã.

Na sofrida vitória por 1 a 0 sobre o Independiente del Valle, em pleno Maracanã, ele foi eleito o melhor jogador da partida, justamente por ter evitado o empate da equipe equatoriana, que apertou bastante a defesa do Botafogo.

Diante do San Lorenzo, a experiência do goleiro de 31 anos será primordial para que o Glorioso suporte a provável pressão do Ciclón, que será disputado num Nuevo Gasómetro praticamente lotado. Não à toa, os jogadores do Botafogo sabem que podem contar com ele nestes momentos de dificuldade.

– Jefferson é o nosso referencial, o nosso capitão. É um grande jogador e líder do grupo, que vai nos ajudar muito – disse o argentino Ferreyra.

Jefferson já fez uma boa apresentação em solo argentino. Com a camisa da Seleção Brasileira, ele foi titular no jogo de ida do Superclássico das Américas de 2011, disputado em Córdoba. A partida terminou 0 a 0.

Um empate sem gols pode classificar o Botafogo hoje. Se Jefferson repetir as boas atuações, e o Independiente del Valle não vencer o Unión Española, a vaga será alvinegra.